Campeonato Pernambucano featured

Sport faz primeiro tempo fraco, mas volta do intervalo ligado e vence Central por 4 a 0

3/12/2016 07:20:00 PMReginaldo Júnior

Leão goleou com a marca de Gabriel Xavier, Luiz Antônio, Vinicius Araújo e Lenis





Ricardo Fernandes/DP
Após a derrota para o Fortaleza, apresentando um futebol abaixo da crítica, era necessário ao Sport uma resposta imediata. E o Central parecia ser o adversário ideal para a ocasião. E foi. Sem maiores dificuldades e contanto com muitas falhas por parte do adversário, o Leão venceu o lanterna por 4 a 0, chegou aos 13 pontos, e praticamente se garantiu nas semifinais do Campeonato Pernambucano. O time, inclusive, dorme na liderança devido ao saldo de gols. Foi o primeiro jogo da temporada onde o Sport marcou mais de duas vezes. A vitória também por maior margem de gols.

Para a partida, o técnico Paulo Roberto Falcão fez o que se esperava. Trouxe de volta Luiz Antônio, com a equipe voltando a atuar com três volantes (Vinícius Araújo foi sacado), e tirou Matheus Ferraz (em péssima fase) para a entrada de Henriquez. As mudanças, principalmente no meio de campo, devolveram ao Sport um futebol mais consistente e com mais posse de bola. O que não quer dizer que o Leão fez uma boa atuação no primeiro tempo.

A saída de Matheus Ferraz da equipe foi motivada pela série de erros do zagueiro nos últimos jogos. Porém, sem ele, ironicamente, o que mais se viu na primeira etapa foram erros defensivos e ofensivos, de ambos os lados. Logo nos dois primeiros minutos, por sinal, cada equipe desperdiçou uma grande oportunidade graças a duas pixotadas da defesa.

Na primeira, Luiz Antônio chutou por cima após bola mal cortada por Márcio Na segunda, Lourival perdeu um gol feito para o Central, depois de uma entregada de Durval. E só por conta de uma falha, saiu o primeiro gol do Sport. Aos 15 minutos, o lateral Sadrak cortou mal um lançamento, dando de graça para Gabriel Xavier, dentro da área. O meia só teve o trabalho de tirar do goleiro e marcar seu primeiro gol com a camisa rubro-negra.

Com a vantagem, o Sport passou a ter ainda mais a posse de bola, diante de um adversário que justificava a posição de lanterna. Porém, esse domínio se tornava inútil diante de tantos erros de passe. Assim, mesmo descendo para os vestiários vencendo, o time foi vaiado por parte das sociais.

Na volta para a etapa final, Falcão tirou Túlio de Melo para a entrada de Vinícius Araújo. A aposta era em uma maior mobilidade por parte dos homens de frente. Porém, foi o Central que voltou assustando, com duas boas chances antes dos cinco minutos. Ambas defendidas por Danilo Fernandes. Uma possível reação alvinegra acabou em um novo erro defensivo.

Ao tentar sair jogando, o lateral Gustavo perdeu a bola para Gabriel Xavier, que só serviu Luiz Antônio, livre, para ampliar, aos seis minutos. Dois minutos depois, Lenis recebeu em velocidade e definiu a vitória leonina. A partir dai, o jogo passou a ser um treino de luxo para o Leão, que ainda ampliaria com um belo gol de Vinícius Araújo, após troca de passes. Agora, o Sport dá uma pausa na maratona de partidas e só volta a campo no próximo sábado, contra o América, também pelo Estadual. Uma semana de tranquilidade.

Ficha do jogo

Sport 4
Danilo Fernandes; Samuel Xavier (Maicon), Henriquez, Durval e Renê; Rithely, Serginho, Luiz Antônio, Gabriel Xavier (Juninho) e Lenis; Túlio de Melo (Vinícius Araújo). Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Central 0
Juninho; Gustavo, Márcio, Everton (Jônatas) e Sadrak (Fabinho). Charles Vágner, Moisés, Giso e Candinho; Araújo e Lourival (Índio). Técnico: Flávio Barros.

Local: Ilha do Retiro; Árbitro: Wagner Cabral. Assistentes: Aldir Pereira e Gleydson Leite. Gols: Gabriel Xavier (15 min do 1°) e Luiz Antônio (6 min do 2º), Lenis (8 min do 2º) e Vinícius Araújo (26 min do 2º). Cartões amarelos: Jônatas (C). Público: 3.239. Renda: R$ 69.246,00

Fonte: Super Esportes PE


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.