Copa do Nordeste featured

Com briga de organizadas, Fortaleza bate Sport e encosta no líder do grupo

3/10/2016 12:00:00 AMReginaldo Júnior

Tricolor do Pici faz dois gols logo no início, Sport diminui, mas equipe de Marquinhos Santos consegue segurar o resultado. Partida tem briga de organizadas do Fortaleza




Na estreia de Marquinhos Santos pelo Fortaleza, o bom futebol do time do Pici deveria ter sido o protagonista nesta quarta-feira. Mas o que roubou a cena na Arena Castelão nesta noite foi o cenário de violência montado por duas torcidas organizadas do Fortaleza - a TUF e a JGT. Em meio à pancadaria no intervalo e com polícia intervindo, o Tricolor do Pici venceu o Sport por 2 a 1, pela quinta rodada da Copa do Nordeste.
Jean Fortaleza Seport (Foto: LC Moreira / Agência Estado)Jean Mota marca o segundo do Fortaleza (Foto: LC Moreira / Agência Estado)

Os gols do Fortaleza foram marcados por Anselmo e Jean Mota. Túlio de Melo fez o do Sport. Com o resultado os pernambucanos lideram o Grupo D, com oito pontos. O Tricolor do Pici está em segundo, com sete.

O próximo confronto do Fortaleza pela Copa do Nordeste é contra o River-PI na quarta-feira (23), às 21h45, no Albertão. O Sport enfrenta o Botafogo-PB, às 21h45, na Ilha do Retiro, no mesmo dia.

Marquinhos Santos estreia com o pé direito

O Tricolor do Pici dominou no primeiro tempo e conseguiu trabalhar nos erros do Sport. Com apenas três minutos, Anselmo, livre na área, marcou o primeiro de cabeça. Éverton, em duas oportunidades, poderia ter feito o segundo. Danilo Fernandes salvou. Mas, quando Matheus Ferraz errou o passe dentro da área, Juninho achou Jean Mota livre para marcar o segundo do Leão do Pici. Nos acréscimos, o Sport acordou. Renê lançou para Durval, que achou Vinícius Araújo na área. O camisa 9 tocou em direção ao gol e Túlio de Melo, com um toque só, empurrou para as redes. 

No intervalo, as organizadas do Fortaleza se confrontaram por 15 minutos. A arbitragem somente recomeçou o jogo com o fim do conflito. No começo do segundo tempo, Éverton novamente ameaçou em cobrança de falta, mas Danio Fernandes defendeu o chute. Depois, Luiz Antônio tentou para o Sport em cobrança de falta direto para o gol, mas mandou a bola por cima do gol de Ricardo Berna. Com os dois times nervosos, o Fortaleza foi mais eficiente, fechou bem a área defensiva e segurou o resultado.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.