Copa do Nordeste

Rodrigão comanda goleada do Campinense contra Imperatriz

3/10/2016 11:24:00 PMReginaldo Júnior

Debaixo de muita chuva, time maranhense diz adeus ao Nordestão com apenas quatro pontos conquistados. Campinense confirma classificação com 13 pontos ganhos.




Sem surpresas e com show de Rodrigão. Mesmo jogando em casa, o Imperatriz não conseguiu superar o Campinense, que tem a melhor campanha do Grupo A, e uma das melhores da Copa do Nordeste. O time da Paraíba venceu, por 3 a 0, na noite desta quinta-feira, no Frei Epifânio d’Abadia, em Imperatriz (MA). Tudo isso debaixo de muita chuva.

Os gols do Campinense foram marcados por Rodrigão. O primeiro aos 24 do primeiro tempo, o segundo aos 11 e o terceiro aos 25 do segundo tempo.

Rodrigão, Campinense, Comemoração (Foto: Leonardo Silva / Jornal da Paraíba)Rodrigão, Campinense, Comemoração (Foto: Leonardo Silva / Jornal da Paraíba)
Com o resultado, o Imperatriz deu definitivamente adeus ao Nordestão, com seus quatro pontos, enquanto que o Campinense confirmou sua classificação com 13 pontos.

Na próxima rodada, o Imperatriz joga contra o Salgueiro, em Pernambuco e o Campinense recebe o ABC, na Paraíba. Os jogos serão no dia 23 de março.

O jogo

Em Imperatriz choveu bastante durante o jogo e o Campinense desde o começo foi melhor.  Logo aos quatro minutos de jogo, Rodrigão já mostrava que ia ser o nome da partida. Ele chegou com perigo batendo cruzado e Raul chegou atrasado para complementar a jogada.

O Imperatriz, mesmo jogando em casa, partia para frente apenas em jogadas de contra-ataque, assim como fez a primeira aos 15 minutos, que terminou com um chute forte de Danilo Silva para uma boa defesa de Gledson.

Enquanto o Imperatriz tentava outras com Danilo Silva, mas não conseguia muita coisa, o Campinense chegou aos 24 minutos com jogada de Jussimar e conclusão de Rodrigão.

O Imperatriz ainda tentou com Yerien, aos 38 minutos, que chutou forte e quase fez o gol de empate.
No segundo tempo, O Campinense voltou querendo ampliar a diferença e conseguiu logo aos 11 minutos novamente com Rodrigão. Este foi o quinto gol dele na competição.

Depois dos 20 minutos do segundo tempo, o gramado já estava muito mais pesado e com poças d’água dificultando ainda mais as jogadas. Mesmo toda essa chuva não evitou que Rodrigão fizesse o seu terceiro gol no jogo, aos 25 minutos.

Depois disso, a chuva passou a ser a protagonista deixando os times com menos disposição para forçar jogadas mais ofensivas.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.