Campeonato Pernambucano featured

Santa Cruz bate o Central longe de casa, volta a vencer e alivia a pressão

2/28/2016 07:02:00 PMReginaldo Júnior

O time coral jogou "para o gasto", conseguiu bater a Patativa por 1 a 0 no Estádio Lacerdão e voltou ao grupo dos quatro primeiros; Os centralinos seguem na lanterna




A pressão deu uma aliviada pelas bandas do Arruda. Em uma situação complicada após dois jogos sem vencer, o Santa Cruz voltou a entrar nos trilhos da vitória. A vítima foi o Central, em Caruaru, neste domingo - a Patativa ainda não venceu um jogo sequer no Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano. O gol marcado por Keno fez o Santa ir para a quarta colocação, com sete pontos. O time alvinegro permanece na sexta colocação, a lanterna, sem nenhum ponto conquistado. Agora, resta aos corais "secarem" o América-PE, que enfrenta o Salgueiro nesta segunda-feira, para continuarem no grupo dos que avançam às semifinais do Estadual.
O Santa Cruz volta a jogar nesta quarta-feira, pela Copa do Nordeste. O adversário é a Juazeirense-BA, às 21h45, no Estádio Adauto Moraes. Já o Central entra em campo no próximo sábado contra o... Santa Cruz! O jogo, que será às 17h do próximo sábado, no Arruda, marca o início dos confrontos de volta do Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano.

Central x Santa Cruz (Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press)O Santa Cruz voltou a vencer o Central no Lacerdão. A última vitória havia sido em 2010 (Foto: Marlon Costa / PEPress)
O jogo foi corrido na maioria do tempo. O Santa Cruz tentava, de todas as formas, cadenciar a partida e ter o controle do jogo. Porém, errava bastante no ataque. Já Araújo era o desafogo dos centralinos. A cada lance de ataque, o negócio era "jogar no camisa 10" para ele resolver. E bem que ele tentou. Teve, inclusive, uma chance, mas tentou encobrir Tiago Cardoso e a bola acabou saindo. Grafite teve outras duas boas oportunidades, só que acabou esbarrando na sua "sombra" na partida, o zagueiro Vinícius.

No segundo tempo, os corais se arrumaram. Grafite voltou a perder duas boas chances, mas na terceira não teve jeito. Ele chutou, Juninho espalmou e Keno abriu o marcador. A partir dali, o papel do Santa era controlar a partida e o Central acabou perdendo fôlego. A Patativa ainda teve um gol anulado, de Índio, e o Tricolor do Arruda conseguiu controlar o jogo.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.