Campeonato Paulista

Ponte empata com o Botafogo no fim e segue sem vencer no Paulista

2/14/2016 08:46:00 PMReginaldo Júnior





Ponte segue sem vencer no Campeonato Paulista (Foto: PontePress/FábioLeoni)
Ponte segue sem vencer no Campeonato Paulista (Foto: PontePress/FábioLeoni)
A Ponte Preta não faz um bom início de Campeonato Paulista. Neste domingo, a Macaca teve que suar para conquistar um empate em 1 a 1 diante do Botafogo-SP, no estádio Moisés Lucarelli, e segue sem vencer na competição.

O Botafogo-SP abriu o placar aos 24 minutos da segunda etapa, em gol de Diego Pituca, e a Ponte Preta só conseguiu igualar o marcador aos 45, em cobrança de pênalti de Alexandro.

Com o resultado, a Macaca permanece na lanterna do Grupo B do Campeonato Paulista, com dois pontos conquistados. O Bota também não vive grande fase e se encontra na última posição do Grupo A, com três pontos.

Na próxima rodada, a Ponte Preta recebe o São Bento, no Moisés Lucarelli. O Botafogo-SP joga em seus domínios, diante do Ituano, no estádio Santa Cruz.

O jogo – A partida começou com ambas as equipes muito ansiosas antes de efetuar a finalização. Com isso, a primeira grande chance aconteceu apenas aos 11 minutos de jogo.

João Vitor arriscou um chute de fora da área, a bola ganhou altura e passou muito próxima à trave, assustando o gol defendido por Neneca.

O Botafogo-SP respondeu aos 23 minutos, porém, o chute de César Gaúcho foi para fora, sem nenhum perigo para o gol da Ponte Preta.

A Macaca voltou a assustar aos 27. Rhayner recebeu passe em profundidade na área e emendou um chute de pé direito. A bola pegou velocidade e passou com perigo próxima ao travessão.

Aos 35, a Ponte teve outra boa chegada, mas ilustrou bem o problema de finalizações observado na partida. Após cruzamento afastado para a entrada da área, a bola sobrou limpa para Elton, mas o capitão da Macaca errou o chute e mandou longe.

O Bota ainda teve uma chance de ir para o intervalo em vantagem. Aos 41, Allan Dias conduziu pela esquerda e tocou para Nunes, o atacante vinha em boa posição para fazer o gol, mas o zagueiro Fábio Ferreira chegou para cortar no momento certo e evitar a finalização. Com isso, a etapa inicial terminou com o placar de 0 a 0.

No segundo tempo, a Macaca seguiu criando as melhores chances de gol. Aos quatro minutos, o estreante Reinaldo arriscou de fora da área, mas a bola não pegou força e foi facilmente defendida por Neneca.

Aos 19, novamente a Ponte chegou com perigo. Nino Paraíba cruzou para a área e Felipe Azevedo completou de cabeça, mas a bola foi para fora.

Sem efetividade nas finalizações, a Macaca foi castigada aos 24 minutos. Após balão lançado para a área, Diego Pituca dominou e bateu de perna esquerda para abrir o placar para o Botafogo-SP.

Sob vaias e protestos, a Ponte Preta ainda conseguiu chegar ao empate, aos 34, mas teve seu gol anulado. Alexandro aproveitou cruzamento de Felipe Azevedo e desvio de Tiago Alves para mandar para a rede. No entanto, o árbitro assinalou o impedimento.

De tanto insistir, a Macaca ainda conseguiu o empate no final da partida. Aos 45 minutos, a bola tocou no braço de César Gaúcho e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Alexandro deslocou Neneca e garantiu ao menos a igualdade no placar para os donos da casa.

Mogi Mirim e XV de Piracicaba ficam no zero e mantém início ruim no Paulista

No mesmo horário, Mogi Mirim e XV de Piracicaba se enfrentaram no estádio Vail Chaves e não conseguiram balançar as redes, terminando o confronto em 0 a 0.

Com o resultado, as duas equipes mantiveram o péssimo início de Campeonato Paulista. O XV de Piracicaba permaneceu na quarta colocação do Grupo C da competição, com dois pontos conquistados, e o Mogi Mirim subiu para a mesma posição no Grupo D, com apenas um ponto na tabela. Vale lembrar que ambos os times possuem um jogo a menos no torneio.

Fonte: Gazeta Esportiva


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.