Campeonato Carioca featured

Atacante da base brilha, e misto do Flamengo supera a Cabofriense pelo Carioca

2/25/2016 12:10:00 AMReginaldo Júnior




Atacante da base brilha, e misto do Fla derrota Cabofriense Foto: ESPN

Nem mesmo a opção de entrar com um time misto foi capaz de criar alguma dificuldade para o Flamengo nesta quarta-feira. Contra a Cabofriense, pela sexta rodada da Taça Guanabara, um bom desempenho no primeiro tempo foi suficiente para fazer a equipe comandada por Muricy Ramalho vencer por 1 a 0 e encostar na liderança de sua chave na competição estadual. Quem decidiu a partida foi o jovem Felipe Vizeu, de apenas 18 anos, campeão com o clube na Copa São Paulo deste ano.
Com a vitória, o Flamengo chega aos 13 pontos no grupo B e se mantém na vice-liderança da chave, atrás apenas do Botafogo, com 15 pontos e que faz o clássico nesta quarta-feira contra o Fluminense.

Já a Cabofriense segue estacionada na sexta posição do grupo A, com apenas quatro pontos ganhos.
Por conta do rodízio proposto por Muricy no início da temporada, o Flamengo entrou em campo com uma equipe diferente daquela que é considerada titular. O zagueiro Wallace e o volante colombiano Gustavo Cuéllar, ambos expulsos contra o Fluminense, ficaram de fora, assim como o atacante Paolo Guerrero, que recebeu o terceiro cartão amarelo. Juan, preservado no clássico, voltou ao time como capitão para compor a dupla de zaga com Cesar Martins. No meio, Márcio Araújo assumiu o posto de Cuéllar.

Mas a mudança mais inesperada (e decisiva) aconteceu no ataque, já que o jovem Felipe Vizeu, vice-artilheiro da Copa São Paulo de Futebol Júnior e que jogou alguns minutos contra Portuguesa-RJ e América-MG, pelo Carioca e Primeira Liga, respectivamente, ganhou sua primeira opotunidade entre os titulares do Flamengo. E provou merecer a confiança de Muricy.

Com trocas de passes envolventes e um bom volume de jogo, o Flamengo foi muito superior na etapa inicial e não deu chances a Cabofriense, que não suportou a pressão por muito tempo. Logo aos oito minutos do primeiro tempo, Mancuello escapou pela direita, e esperou a passagem de Pará. O lateral direito, então, cruzou na medida para Vizeu, que subiu com estilo para cabecar no cantinho e marcar seu primeiro gol como profissional do Flamengo.

Além de ser pressionado, a Cabofriense não conseguia superar a forte marcação do Flamengo e não chegou nenhuma vez com perigo ao gol de Paulo Victor. E só não saiu com um prejuízo maior no placar porque o goleiro Andrey fez uma linda defesa em uma ótima jogada de Mancuello, um dos destaques da equipe.

No segundo tempo, apesar de uma mínima vantagem no marcador, o Flamengo tirou o pé, segurou a vantagem e chegou poucas vezes ao setor ofensivo. Com uma postura mais conservadora do rival, a Cabofriense até ficou mais com a bola, mas não foi capaz de criar situações de gol e acabou derrotada dentro de casa.

Na sequência do Campeonato Carioca, em partida válida pela sétima rodada da competição estadual, o Flamengo recebe o Resende, domingo (28), às 17h (de Brasília), no Raulino de Oliveira. Já a Cabofriense enfrenta o Tigres, no sábado, às 19h30.

FICHA TÉCNICA:
CABOFRIENSE 0 X 1 FLAMENGO

Local: Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ)
Data: 24 de fevereiro de 2016 (Quarta-feira)
Horário: 19h30(de Brasília)
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Assistentes: Wendel de Paiva Gouvêa (RJ) e Francisco Pereira de Sousa (RJ)
GOL: Felipe Vizeu, aos oito minutos do primeiro tempo

CABOFRIENSE: Andrey, Julio Lopes, Juliano, Raphael Sales e Leandro; Gilson, Pedro, Carlinhos(Wendel) e Keninha(Maicon): Marquinhos do Sul(Gama) e Charles Chad. Técnico: Eduardo Húngaro

FLAMENGO: Paulo Victor, Pará, César Martins, Juan e Chiquinho; Márcio Araújo, Héctor Canteros(Willian Arão) e Mancuello; Gabriel,(Marcelo Cirino) Everton e Felipe Vizeu. Técnico: Muricy Ramalho

Fonte: ESPN


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.