Brasileirão Série B

Santa Cruz estraga festa do Botafogo e fica próximo do acesso à Série A

11/14/2015 06:45:00 PMReginaldo Júnior

Alvinegro, que poderia ser campeão antecipado neste sábado, não vê a cor da bola no Estádio Nilton Santos, enquanto Santinha conta com bela atuação de Grafite na vitória




Tudo se desenhava para uma grande festa do Botafogo diante do Santa Cruz, neste sábado, no estádio Nilton Santos. Possibilidade de título, casa cheia, ídolos do passado, vaga na Série A matematicamente garantida... No entanto, quem comemorou mesmo foi o Santinha. Com uma atuação inteligente, a equipe pernambucana venceu o Alvinegro por 3 a 0 em jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Lelê, que abriu o placar em jogada iniciada de forma irregular, Grafite e Bruno Moraes marcaram os gols da partida.
Apesar do resultado, o Botafogo segue na liderança com 68 pontos e com possibilidade de levar o título. O Santa Cruz, por sua vez, chegou aos 61 pontos e permaneceu no G-4 com ótimas chances de conseguir o acesso - o time não perde há cinco jogos. Na próxima rodada, o Botafogo visita o ABC, sexta-feira, às 21h30 (horário de Brasília). No sábado, o Santa Cruz encara fora de casa o rebaixado Mogi Mirim às 17h30 (de Brasília).

Botafogo x Santa Cruz comemoração (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)Botafogo lamenta. Santa Cruz celebra (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)

Homenagens, chapéu e Loco Abreu
Antes do apito inicial no Engenhão, um minuto de silêncio em homenagem as vítimas do atentado terrorista em Paris e também a jornalista Sandra Moreyra, que era torcedora do Botafogo e faleceu na última terça-feira.

Com a bola rolando, o Santa Cruz não se incomodou com a pressão da torcida alvinegra, que foi em bom número ao estádio Nilton Santos. Propondo jogo e com o retorno de Grafite recuperado de lesão muscular, a equipe pernambucana quase abriu o placar aos dois minutos com Renatinho que, após dar um belo chapéu em Diego Giaretta, chutou rente ao travessão de Helton Leite. Aos 14, os jogadores do Santa Cruz pediram pênalti após o zagueiro Roger Carvalho empurrar Vitor dentro da área. O árbitro Heber Roberto Lopes ignorou.

Sob os olhares do ídolo Loco Abreu  - o uruguaio veio ao Rio de Janeiro para receber uma série de homenagens e prestigiou o duelo -, o Botafogo só foi dar o primeiro chute aos 22 com um chute de Diego Jardel para fora.

No entanto, após o tempo técnico para hidratação dos jogadores aos 27, os donos da casa acordaram. Diego Jardel, aos 31, perdeu chance incrível ao chutar sobre a zaga do Santa Cruz quando o goleiro estava fora de meta. Dois minutos depois, Neilton chutou sem ângulo e por pouco não encobriu Tiago Cardoso.

loco Abreu Botafogo (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)Loco Abreu animou os torcedores alvinegros no Engenhão (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)


Santinha marca em lance irregular

O segundo tempo começou como o primeiro, com o Santinha quase marcando. Após cruzamento, Grafite, sozinho na pequena área, deu um toque de chapa na bola. Gol certo, se não fosse por Helton Leite que fez grande defesa.

No entanto, aos cinco, o quase virou certeza. Após cruzamento rasteiro de Luisinho pela esquerda, Grafite, em posição de impedimento claro, deu um passe açucarado para Lelê bater sem chances para o goleiro alvinegro. 1 a 0 para os pernambucanos.

Grafite carrasco amplia. E seu substituto também

Em desvantagem e sob vaias da torcida, o Botafogo saiu desordenado em busca do empate e acabou levando o segundo gol aos 22. Em rápido contra-ataque, Daniel Costa achou Luisinho  que, mesmo frente à frente com Helton Leite, rolou para Grafite. O veterano, que também deixara sua marca diante do Bota no primeiro turno, não perdoou.

O gol sofrido desequilibrou de vez os anfitriões que acabaram levando o terceiro aos 30. Allan foi à linha de fundo e cruzou para área. Bruno Moraes, que entrou em campo minutos antes justamente no lugar de Grafite, se antecipou à defesa alvinegra e desviou para o fundo da rede.

A partir de então, o Santa Cruz cozinhou o jogo, enquanto a equipe do técnico Ricardo Gomes buscou descontar em meio à revolta dos torcedores nas arquibancadas.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.