Brasileirão Série B

Bragantino bate Paraná, mas vê fim das chances de acesso na Série B

11/21/2015 07:05:00 PMReginaldo Júnior

Concorrentes diretos na briga pelo G-4 conseguem resultados que precisavam e acabam com o sonho do Massa Bruta de subir à elite do Campeonato Brasileiro




O Bragantino venceu o Paraná por 2 a 0 na tarde deste sábado, na Vila Capanema, mas a comemoração foi contida. Apesar do triunfo, conquistado com gols de Luiz Felipe (contra) e Jobinho, o Massa Bruta viu chegar ao fim o sonho de conquistar o acesso no Campeonato Brasileiro da Série B. Na penúltima rodada do nacional, os concorrentes diretos por uma vaga no G-4 (Santa Cruz, Vitória e América-MG) conseguiram os resultados que precisavam e garantiram a vaga na elite.
O Braga fica na quinta colocação da Série B, com 60 pontos. O América-MG, quarto colocado e último time na zona de acesso, soma quatro pontos a mais. O Paraná, que não tinha mais ambições no torneio, permanece na 12ª colocação, com 46.

A última rodada da Série B acontece no próximo sábado, 28, com todos os jogos às 17h30. O Braga recebe o Náutico no estádio Nabi Abi Chedid, e o Paraná visita o Sampaio Corrêa no Castelão.

Paraná x Bragantino frame (Foto: Reprodrução/PremiereFC)Jocinei deu o chute para o primeiro gol do Bragantino, mas, como a bola desviou em Luiz Felipe, o árbitro deu gol contra (Foto: Reprodrução/PremiereFC)

O jogo

A partida, em tese, interessa mais para o Bragantino, que briga pelo acesso à elite. Mas o Paraná foi quem mais buscou o gol no primeiro tempo. Aos 13 minutos, chegou a colocar a bola no fundo da rede. Mas como Zé Roberto estava impedido, o gol foi anulado. O Massa Bruta, que até então não tinha chegado com muito perigo, foi efetivo quando chegou bem pela primeira vez. Jocinei, que estava mancando, chutou de fora da área, a bola desviou no zagueiro Luiz Felipe e entrou. O árbitro deu gol contra do atleta do Paraná. À frente do placar, os visitantes fortaleceram ainda mais a defesa e saiam pouco para o ataque. Os paranaenses seguiram criando boas jogadas, mas não conseguiram passar pelo goleiro Douglas no primeiro tempo.

O segundo tempo de jogo foi truncado. O Bragantino, com a vitória nas mãos, priorizou a marcação e pouco se lançou ao ataque. O Paraná não tinha a mesma criatividade do período inicial e, com isso, não chegava com perigo no setor ofensivo. No fim da partida, o Massa Bruta ampliou a diferença. Após cobrança de falta, Jobinho subiu sozinho na área e cabeceou para o gol.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.