Brasileirão Série B featured

Com time “da base” e estádio vazio, Bahia vence Atlético-GO em Salvador

11/28/2015 09:26:00 PMReginaldo Júnior

Partida encerra a temporada dos times, que voltam a disputar a Série B em 2016. Lateral Vitor marca gol do Tricolor baiano e deixa boa impressão para a torcida




Foi o último ato de uma Série B melancólica para Bahia e Atlético-GO. Sem chances de acesso ou risco de rebaixamento, as duas equipes se enfrentaram neste sábado, na Arena Fonte Nova, em clima de fim de ano. E a despedida da temporada foi melhor aproveitada pelo Tricolor, que entrou em campo com um time formado por garotos da base e venceu por 1 a 0, gol marcado pelo lateral-esquerdo Vitor, justamente um atleta criado no Fazendão.

Dos 11 titulares do Bahia neste sábado, apenas quatro não foram formados pelo clube, que encerra a Série B na nona  posição, com 58 pontos. A equipe baiana chega ao fim da temporada como líder do ranking de público da Segunda Divisão, apesar do reduzido número de torcedores que compareceram ao estádio para assistir ao triunfo sobre o Atlético-GO. Com 46 pontos, o Dragão termina a Série B na 14ª colocação e, assim como o Bahia, com a esperança de dias melhores.    

Arena Fonte Nova; Bahia x Atlético-GO (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)Jogadores do Bahia comemoram triunfo sobre o Atlético-GO (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)
O vazio nas arquibancadas da Arena Fonte Nova ilustrava bem a baixa expectativa dos torcedores para o jogo deste sábado. Para um público de 1.807 pessoas, Bahia e Atlético-GO tentaram fazer do último jogo da temporada uma projeção de futuro mais promissor. No primeiro tempo, o Tricolor levou a melhor e dominou as ações. Com jogadas pelos lados do campo, a equipe baiana chegava com facilidade ao ataque. E foi em um desses lances que o lateral-esquerdo Vitor abriu o placar, com chute de fora da área. A bola tocou o gramado e enganou o goleiro Marcos, que pulou atrasado e precisou buscar a redonda no fundo das redes. O segundo gol do Bahia quase surgiu no instante seguinte, com Gustavo Blanco, que não conseguiu tirar o goleiro rubro-negro da jogada. O Dragão apostava na marcação sob pressão e nas jogadas com Junior Viçosa para chegar ao setor ofensivo. Em falha da defesa do Bahia, o atacante ficou cara a cara com Jean, mas preferiu o drible e perdeu a oportunidade de deixar o placar em igualdade. 

Diferentemente do primeiro tempo, o Atlético-GO voltou ao jogo disposto a ter mais presença ofensiva. Logo aos dois minutos, Samuel fez bela jogada individual pela esquerda e acertou a trave de Jean. Na jogada seguinte, Marllon aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou com muito perigo. Mais recuado, o Bahia respondeu com Jeam, que recebeu lançamento de Gustavo Blanco, tentou de cavadinha e viu Marcos se esticar para fazer a defesa. João Paulo Penha também levou perigo. Da entrada da área, ele se livrou de dois marcadores e chutou colocado para acertar a trave. Após o lance, alguns torcedores entoaram o frito de “Fica, Penha” - o meia está em negociação para ser emprestado ao CSA. Nos minutos finais, Artur tentou desviar cruzamento e acertou o travessão. Foi a última emoção de um embate entre times sem grandes objetivos neste fim de 2015, com um triunfo quer apenas serviu de alento para o Tricolor baiano.


Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.