Brasileirão Série A

Atlético-MG e Goiás empatam por 2 a 2 e frustram torcida no Independência

11/22/2015 06:17:00 PMReginaldo Júnior

Resultado é ruim para o Galo, que perde chance de garantir o segundo lugar no Brasileirão, e pior ainda para o Esmeraldino, que fica mais perto do rebaixamento




Bom jogo no Independência, mas resultado ruim para os dois times. Neste domingo, Atlético-MG e Goiás empataram por 2 a 2 e saíram de campo lamentando a falta de melhor sorte. O Galo, que ficou à frente no placar duas vezes, marcou com Luan e Marcos Rocha. Com 66 pontos, aumenta a vantagem para o Grêmio, mas perde chance de garantir matematicamente o vice-campeonato. O Goiás, que balançou as redes com Erik e Bruno Henrique, cai para a penúltima colocação e está praticamente rebaixado para a Série B.

O Atlético-MG tentará garantir a segunda colocação e maior premiação ao fim do campeonato no próximo domingo, justamente contra o Grêmio, terceiro colocado. O jogo será em Porto Alegre. O Goiás, por sua vez, soma apenas 35 pontos e depende de improvável combinação de resultados para permanecer na elite do futebol brasileiro. O time esmeraldino visitará a Chapecoense no próximo domingo e poderá ser rebaixado até mesmo em caso de vitória se concorrentes como Figueirense, Avaí e Coritiba conquistarem bons resultados.
O Galo começou melhor e chegou a ter mais de 70% de posse de bola nos primeiros 20 minutos. Apesar disso, não conseguia criar chances claras de gol até Luan mostrar oportunismo em bonito lance. Aos 22, o atacante aproveitou rebote do goleiro e, de voleio, abriu o placar no Horto: Atlético-MG 1 a 0. O zagueiro Jemerson, que participou da jogada ao dividir bola com Renan, estava em posição irregular. Só a partir daí o Goiás começou a sair para o ataque. Mais uma vez a válvula de escape era Bruno Henrique, destaque do time nesta Série A.
Em uma de suas arrancadas características, ele correu pela esquerda e chutou com perigo. Quem também apareceu foi o zagueiro Fred, especialista nas cobranças de falta. Ele assustou o goleiro Victor, mas mandou por cima do gol. O empate saiu aos 38 minutos. Após recuo de Leonardo Silva para Victor, Bruno Henrique foi mais esperto, ganhou a bola do goleiro atleticano e tocou para Erik estufar as redes: 1 a 1. O Goiás quase teve chance para virar ainda na etapa inicial quando o árbitro Nielson Nogueira Dias marcou pênalti de Marcos Rocha em Rafael Forster. Porém, após conversa com o auxiliar, a marcação foi anulada. 

Empate ruim para os dois

O segundo tempo foi eletrizante. Logo aos sete minutos, Erik ganhou de Jemerson na velocidade, invadiu a área e perdeu oportunidade de retribuir a jogada do primeiro gol esmeraldino para Bruno Henrique. O companheiro estava livre, porém, Erik tentou o chute e carimbou o goleiro Victor. No contra-ataque, Dátolo fez grande jogada e lançou Giovanni Augusto. O meia saiu na cara do gol e obrigou Renan a fazer grande defesa. O castigo para o Goiás veio no lance seguinte. Giovanni Augusto lançou para a área, Marcos Rocha apareceu livre e balançou as redes: 2 a 1 Galo.
Mas o Goiás não desistia. Bruno Henrique não desistia. O atacante continuava levando perigo em suas arrancadas e era um verdadeiro pesadelo para a defesa do Atlético-MG. Aos 14 minutos, após lançamento de David, ele dominou no peito, saiu livre, driblou Victor e deixou tudo igual em Belo Horizonte: 2 a 2. À medida que o tempo passava, a torcida pressionava o Galo, que não convencia. Foi aí que o goleiro Renan começou a aparecer. Ele fez boas defesas em chutes de Luan e Thiago Ribeiro. No fim, Douglas Santos fez boa jogada e cruzou. Lucas Pratto não conseguiu o desvio, e a bola saiu pela linha de fundo. 

Atlético-MG x Goiás (Foto: Bruno Cantini / Atlético MG)Atlético-MG e Goiás empatam por 2 a 2 em Belo Horizonte (Foto: Bruno Cantini / Atlético MG)

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.