Brasileirão Série B

América-MG empata em casa com Ceará, mas garante acesso à Serie A

11/21/2015 06:57:00 PMReginaldo Júnior

Após quatro anos na Segunda Divisão, mineiros arrancam empate com Vozão, no Horto, e selam subida; Ceará decide permanência na Série B na última rodada




O grito estava entalado na garganta. Após quatro anos, o América-MG está de novo no Campeonato Brasileiro da Série A. Após a frustração da última temporada, quando o time mineiro não se classificou para a elite do futebol brasileiro, por ter escalado um jogador de maneira irregular, o torcedor americano pode comemorar. O empate diante do Ceará, por 1 a 1, na noite deste sábado, no estádio Independência, certamente ficará marcado na mente dos torcedores que estiveram presentes no Horto. Para o treinador Givanildo Oliveira, um recorde em seu sexto acesso. Em campo, Siloé abriu o placar para os visitantes no primeiro tempo, mas uma cabeçada certeira de Wesley Matos, no final da primeira etapa, selou a classificação do Coelho.
Com o resultado, o América-MG chegou a 64 pontos e foi ultrapassado pelo Vitória e Santa Cruz, caindo para a quarta colocação. Mas não importa, o acesso está conquistado. O Ceará, na 17ª colocação, com 41 pontos, fica em situação desesperadora contra o rebaixamento. Na última rodada, a 38ª da Série B, o América-MG enfrenta o já campeão Botafogo, no Engenhão, no Rio de Janeiro. O Ceará recebe o Macaé em um confronto direto, desesperador, para lutar contra o rebaixamento.

América-MG x Ceará (Foto: Maurício Paulucci)América-MG e Ceará fizeram um jogo equilibrado no Independência, em BH (Foto: Maurício Paulucci)

O jogo 

Empurrado pela torcida, o América não escondeu as garras e começou frenético para cima do Ceará. No início, Toscano roubou uma bola na defesa do Ceará e chutou com perigo, assustado o goleiro Éverson. Mas o Vozão sabia que não podia jogar de igual para igual com o time da casa. Esperou e foi cirúrgico. Em uma das poucas chances que criou, Siloé escorou de cabeça e recebeu de volta. Com a perna direita, abriu o placar no Horto. De tanto persistir, o América-MG chegou ao empate. Após cruzamento na área, aos 43 minutos, Wesley Matos subiu mais alto que a zaga do Ceará e testou para o fundo das redes.

O segundo tempo começou com uma grande pressão do Ceará. O time comandado pelo técnico Lisca fez uma verdadeira blitz para cima da defesa do goleiro João Ricardo. O lance de maior perigo foi uma falta cobrada por Fernandinho, que passou com muito perigo perto do gol do América-MG. Após um lance mais ríspido, Alisson reclamou de agressão de Siloé. Pela confusão, o árbitro mostrou o cartão vermelho e mandou os dois para o chuveiro mais cedo. Logo após, Walber  perdeu grande chance após driblar o goleiro do Ceará. No fim do jogo, Richarlison foi expulso por entrada dura, deixando o América-MG com dez em campo. Mas já era tarde, e o empate foi confirmado no placar para a festa da torcida americana, que sobre com o time para a elite do futebol brasileiro.

Jogadores do América-MG comemoram gol no Independência (Foto: Maurício Paulucci)Wesley Matos comemora gol que garantiu o acesso do América-MG à Série A do Brasielrio (Foto: Maurício Paulucci)

Fonte: Globo Esporte




You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.