Brasileirão Série B

América-MG bate Paysandu chega a 60 pontos e fica muito perto da Séria A

11/03/2015 11:21:00 PMReginaldo Júnior

Em noite de Toscano, Coelho vence e não perde a vice-liderança, independente dos outros resultados da rodada; Papão estaciona e vê sonho do acesso se distanciar





O América-MG segue na contagem regressiva para o acesso à Série A. A vítima da vez foi o Paysandu, que foi ao Independência, mas não foi páreo para o Coelho, que venceu com tranquilidade a equipe paraense por 3 a 1, na noite desta terça-feira, em jogo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro da Segunda Divisão. Em noite de gala de Marcelo Toscano, que marcou duas vezes e ainda deu assistência para o gol de Richarlison, o alviverde mineiro chega à sua terceira vitória consecutiva e se aproxima, cada vez mais, da vaga para a Série A. Yago Pikachu descontou para o Papão.

Independência; América-MG; Paysandu (Foto: Divulgação/AFC)Jogadores do América-MG comemora gol diante do Paysandu, no Independência (Foto: Divulgação/AFC)

Com a vitória, o América-MG chega aos 60 pontos e garante a vice-liderança pelo menos até o final da rodada, independente dos resultados do final de semana. O próximo jogo é contra o Vitória, no Independência, no próxima terça-feira, às 19h (de Brasília). Caso vença a equipe baiana, o Coelho pode alcançar os 63 pontos. Alguns matemáticos acreditam 64 pontos é o suficiente para subir para a Série A.


O Paysandu estacionou nos 52 pontos, caiu uma posição e vê o sonho do acesso um pouco mais distante. O Papão não pode mais pensar em perder pontos se quiser disputar a elite do futebol brasileiro em 2016. No próxima rodada o adversário é o já rebaixado Mogi Mirim, no estádio Romildo Ferreira, também na próxima terça-feira, às 19h.

O jogo

Independência; América-MG; Marcelo Toscano (Foto: Divulgação/AFC)Marcelo Toscano foi destaque com dois gols e uma assistência (Foto: Divulgação/AFC)
O primeiro tempo foi digno de um jogo em que ambas equipes disputam um acesso para a Série A. Muito disputado. Empurrado pela torcida, o América-MG começou pressionando. Aos sete minutos Richarlison quase abriu o placar. O que não demorou muito. Aos 11, Ricahrlison alçou a área, Marcelo Toscano, que não marcava há cinco jogos, cabeceou para o gol. A bola ainda tocou na trave antes de balançar as redes. O Paysandu respondeu com Fahel, que saiu na cara de João Ricardo. O meia driblou o goleiro do Coelho e ainda reclamou de um pênalti. Os nervos à flor da pele fizeram que alguns pequenos desentendimentos fossem apartados pelo árbitro.

A etapa final começou como a primeira. Frenética. O Paysandu criou ótima chance, mas o América-MG respondeu bem, mas o goleiro Emerson fez uma defesa impressionante, para impedir o gol de Richarlison. O Coelho seguiu pressionando, e o Papão não suportou. Após um chute de fora da área, o goleiro do time paraense espalma e Toscano mostra presença de área para ampliar o marcador. Os mineiros continuaram pressionando, e o terceiro gol foi só uma consequência. Toscano deu a assistência, e Richarlison tocou com muita frieza no canto direito de Emerson. No finalzinho do jogo, Yago Pikachu diminuiu para o Paysandu.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.