Brasileirão Série B

Em jogo emocionante no fim, Coelho bate Oeste e reassume terceiro lugar

10/23/2015 11:32:00 PMReginaldo Júnior

Com triunfo, América-MG chega aos 54 pontos e garante permanência no G-4 até o final da rodada; Ainda fora do Z-4, equipe paulista amarga três jogos sem vencer




A emoção ficou guardada para os minutos finais. Após fazer 2 a 0 no placar, o América-MG foi surpreendido com o um gol do Oeste, aos 46 do segundo tempo. Foram mais quatro minutos de pressão paulista, mas o Coelho segurou: valeu a retomada da terceira colocação. Com um gol de Richarlison e outro de Bryan, de penâlti, o time mineiro bateu o Oeste, por 2 a 1, na noite desta sexta-feira, no estádio Independência, em jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Rafael Martins descontou para os rubro-negros. O resultado fez o Coelho chegar aos 54 pontos, garantindo a permanência no G-4, mesmo com os resultados que completam a rodada.

América-MG; Oeste; Independência (Foto: Divulgação/AFC)Em jogo emocionante nos minutos finais, América-MG bate Oeste e se mantém firma no G-4 (Foto: Divulgação/AFC)

O rubro-negro paulista amargou a segunda derrota consecutiva e o terceiro jogo sem vencer, estagnando nos 38 pontos. Agora, o Oeste é a primeira equipe fora da zona de rebaixamento, na 16ª colocação. O fator atenuante é que a distância para para o Ceará, na 17ª posição, é de nove pontos, distância que pode ser reduzida até o final da rodada.


O próximo desafio do América-MG é contra um conterrâneo. A equipe de Givanildo Oliveira não sai do estado de Minas Gerais, mas viaja até Varginha para encarar o Boa Esporte, na próxima terça-feira, às 19h (de Brasília). O Oeste busca a recuperação, em casa, no estádio prefeito José Liberatti, também na terça-feira, porém, às 21h.

O jogo

A partida começou em um ritmo lento nos primeiros 45 minutos. O América-MG não mostrava ser incisivo, mesmo atuando dentro de casa, e o Oeste não oferecia riscos. Em uma etapa inicial bem morna, foram apenas duas chances para cada lado. Aos 14 minutos, Waguinho saiu na frente de João Ricardo, que se jogou para impedir o gol. O Coelho respondeu com uma boa triangulação, que culminou com um chutaço de Tony. A finalização parou nas mãos do goleiro Leandro Santos.

América-MG; Oeste; Independência (Foto: Divulgação/AFC)América-MG e Oeste fizeram jogo disputado no Horto (Foto: Divulgação/AFC)
O segundo tempo veio bem mais movimentado que a primeira etapa. O jogo ficou mais pegado, o que o obrigou o árbitro a distribuir vários cartões amarelos para os dois times. Logo no início, o América-MG fez uma verdadeira blitz. E o gol saiu. Tony fez um lançamento para Bryan, que achou Richarlison dentro da área. De primeira, o atacante acertou o canto do goleiro do Oeste, abrindo o placar no Independência. 

O jogo ficou lá e cá. Aos 15 minutos do segundo tempo, o Oeste mostrou que podia complicar a vida do Coelho, no Horto. Renan Mota recebe cara a cara com o goleiro João Ricardo, que cresceu, pela segunda vez consecutiva na partida, evitando o gol de empate. Menos de cinco minutos depois, Marcelo Toscano mostrou porque tem assustado os goleiros adversários com chutes de longa distância. Soltou uma bomba de fora da área, aos 20 minutos da etapa complementar, obrigando o goleiro Leandro Santos a fazer grande defesa.

Nos minutos finais, o América-MG manteve a pressão. Marcelo Toscano recebeu em uma jogada de contra-ataque e cortou para o meio. Ligger calçou o atacante, e a arbitragem marcou a penalidade. Bryan cobrou com frieza no meio do gol, aos 44 minutos do segundo tempo. Em um chute despretensioso, Rafael Martins acertou um chutaço, de fora da área, aos 46, no canto direito do goleiro Fernando Leal, que havia substituído João Ricardo, que deixou o campo contundido. 

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.