Brasileirão Série B

Bragantino acaba com embalo do Luverdense e mantém caça ao G-4

10/24/2015 10:31:00 PMReginaldo Júnior

Massa Bruta chega aos 48 pontos, ultrapassa o rival mato-grossense e segue em busca do acesso. Verdão do Norte vê boa sequência na Série B terminar




O Bragantino contou com o apoio de mais de 10 mil torcedores para vencer o Luverdense, por 3 a 2, na noite deste sábado, pela 32ª rodada da Série B do Brasileiro. No estádio Nabi Abi Chedid, o Massa Bruta somou três pontos importantes que o mantém na briga pelo G-4 da competição. Tanto que o triunfo não só freou a boa fase do time mato-grossense, como ainda serviu para o time da casa ultrapassar o Verdão na tabela. Os gols foram marcados por Leandro Silva, Thiago Santos e Rodolfo, enquanto Luiz Otávio e Lucas Fernandes fizeram para o LEC.

Com a vitória, o Bragantino chegou aos 48 pontos e assumiu a nona posição. O quarto colocado é o Bahia, que tem 54. O Luverdense manteve os mesmos 48, mas agora em décimo lugar. A equipe vinha de uma sequência de seis jogos sem derrota, sendo um empate e cinco vitórias. Depois de um primeiro tempo morno dos dois times, a segunda etapa foi bem mais movimentada, com gols, pênalti perdido e expulsão.

Na próxima rodada, o Bragantino enfrenta o Atlético-GO, fora de casa, sexta-feira, às 21h (de Brasília). O Luverdense também joga longe de casa no duelo contra o Oeste, em Osasco, na terça-feira, às 21h (de Brasília).

Leandro Silva comemora gol Bragantino Luverdense Série B (Foto: Fábio Moraes/ Futura Press/ Estadão)Leandro Silva comemora gol Bragantino Luverdense Série B (Foto: Fábio Moraes/ Futura Press/ Estadão)

Pênalti e gol

O primeiro tempo vinha arrastado com poucas chances para os dois lados. Para duas equipes que brigam pelo G-4 nada de muito importante aconteceu até a abertura do placar. A chance mais clara veio do Massa Bruta, com 17, em chute forte de Chico. Aos 23 minutos Everton cometeu pênalti em Thiago Santos. Coube a Leandro Silva cobrar, com categoria, no fundo do gol de Edson, que nem saiu na foto. Depois do gol, o time da casa passou a ter mais posse de bola, mas sem criar chances. O Luverdense foi melhorar nos cinco minutos finais e assustou a defensiva em boa jogada de Diego Rosa, mas que parou na intervenção de Leandro Silva.

Bolas na rede

Veio a segunda etapa e o time de melhor campanha no returno voltou mais ligado. Tanto que aos 8 minutos, o Luverdense teve a chance de empatar, mas Tozin desperdiçou uma cobrança de pênalti. Isolou a bola ao estilo Baggio na Copa de 1994. E quando ainda tentava digerir o erro, o Luverdense sofreu o segundo gol. Com 12 minutos, a bola sobrou para Thiago Santos após cruzamento na área, sozinho, para só escorar e ampliar o placar para 2 a 0. E nem deu tempo de comemorar. Aos 14, Luiz Otávio aproveitou cruzamento e cabeceou para diminuir o marcador. O jogo seguiu frenético. Com 20, Rodolfo também marcou de cabeça para fazer o terceiro do Bragantino. Depois de marcar mais um, o time da casa valorizou a posse de bola e ainda terminou com um jogador a mais em campo, depois da expulsão de Paulinho, do LEC, já no fim do jogo. Já nos acréscimos, Lucas Fernandes ainda marcou o segundo para o Luverdense, mas já não havia tempo para mais nada.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.