Brasileirão Série B

América-MG vence, assume segundo lugar, e praticamente rebaixa o Boa

10/27/2015 11:36:00 PMReginaldo Júnior

Mesmo fora de casa, Coelho faz 2 a 1 na equipe de Varginha, que agora depende de um milagre para se manter na Série B em 2016




Na briga por uma vaga na elite do Brasileirão do ano que vem, o América-MG nem de longe apresentou o futebol de outras rodadas, no entanto, se aproveitou da má fase do Boa Esporte e conseguiu importantíssima vitória ao fazer 2 a 1, no Estádio Municipal de Varginha. Richarlison abriu o placar, Thaciano chegou a empatar, mas no segundo tempo, Leandro Guerreiro deu números finais ao confronto. O resultado colocou o Coelho em segundo lugar mesmo que momentaneamente. O time chegou aos 57 pontos, mesma pontuação do Vitória, mas com vantagem nos critérios de desempate. O time de Salvador joga no fim de semana contra o Náutico, no Barradão, e pode recuperar a vice-liderança da competição.

Boa Esporte; América-MG (Foto: Reprodução/Premiere)Vitória do América-MG deixou o Boa Esporte perto de cair para a Série C (Foto: Reprodução/Premiere)
Melhor que o adversário da capital, o Boa Esporte acabou castigado e agora depende de um verdadeiro milagre para se manter na Série B em 2016. Com apenas 24 pontos e só com mais 15 a disputar, o Boa Esporte precisa de 100% de aproveitamento, além de torcer por uma série de derrotas de Paraná, Criciúma, Macaé e Oeste para se manter vivo matematicamente rodada a rodada. Porém, dependendo da combinação de resultados até o fim da semana, quando a 33ª rodada será encerrada, o time pode voltar a campo já rebaixado.
Na sequência do Brasileirão da Série B, as equipes voltam a campo somente na próxima semana. Na terça, o América-MG tem duelo importante contra o Paysandu, que também aspira uma vaga no G-4. A partida será no Independência, às 21h30 (de Brasília). Na sexta-feira, será a vez do Boa Esporte, que vai até Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso, encarar o Luverdense, às 21h.  

Empate injusto  

A posição na tabela não refletiu os que os times apresentaram em campo no primeiro tempo. Com chances remotíssimas de escapar da Série C, o Boa Esporte começou com mais presença ofensiva que o América-MG, postulante ao G-4 que vale vaga na elite do Brasileirão. O domínio territorial, no entanto, foi jogado por terra aos 14 minutos. O zagueiro Patrick tentou sair jogando dentro da própria área, mas Mancini conseguiu roubar a bola e cruzar. O goleiro Douglas deu um tapinha para o meio da área e encontrou Richarlirson, que não teve dificuldades para abrir o placar.  

Com a vantagem e melhor tecnicamente seria possível imaginar que o Coelho dominaria as ações. Mas isso não ocorreu e o time da casa continuou a martelar. O prêmio veio aos 33 minutos, depois que Kleiton Domingues fez boa jogada pela direita e colocou na cabeça de Thaciano, que empatou o jogo.  

Injustiça confirmada  

A equipe de Varginha voltou com postura semelhante a adotada no primeiro tempo. O Coelho, com campanha consistente ao longo da Série B, era dominado e deixava espaços. João Ricardo foi obrigado a grande defesa em chute cara a cara de Thaciano. Sofrendo uma espécie de pane, o time da capital chegou a perder o técnico Givanildo Oliveira, expulso após reclamar com o árbitro. Experiente, o treinador atravessou todo o campo antes de ir ao vestiário e acabou esfriando o ímpeto do rival.  

Coincidência ou não, o América-MG voltou a ficar na frente seis minutos após a expulsão, aos 21. Pablo acreditou em bola quase perdida na direita, conseguiu cruzar para Richarlison, que só ajeitou para Leandro Guerreiro. O volante bateu rasteiro de fora da área e balançou as redes. 

Leandro Guerreiro comemora seu gol na vitória do América-MG (Foto: Reprodução/Premiere)Leandro Guerreiro comemora gol da vitória do América-MG sobre o Boa Esporte(Foto: Reprodução/Premiere)
Completamente desorganizado, o Boa continuou a atacar em busca de um empate que mudaria pouco seu panorama na tabela. Mal do início ao fim, mas muito satisfeito com a conquista dos três pontos, o América-MG se limitou a esperar o tempo passar para sair de campo vencedor. O castigo na estratégia quase veio aos 44 minutos, quando Anderson Conceição recuou errado, Jarlan chegou a driblar João Ricardo, mas sem ângulo não conseguiu finalizar. Bom para os visitantes, que com mais três pontos abriram pelo menos momentaneamente sete pontos para o quinto colocado. 

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.