Brasileirão Série B

Paysandu mantém embalo com vitória sobre Santa e encerra sequência coral

9/08/2015 10:42:00 PMReginaldo Júnior

Time paraense contou com falha do goleiro Tiago Cardoso e alcançou, no Arruda, quarto triunfo em cinco jogos; tricolores vinham de oito vitórias seguidas em casa




O Santa Cruz vinha de oito vitórias consecutivas dentro de casa e desejava mais uma para se aproximar do G-4 da Série B. Mas o Paysandu nem quis saber do retrospecto recente do adversário. Mesmo com cinco desfalques e atuando no estádio do Arruda, o Papão venceu o Tricolor por 2 a 1 nesta sexta-feira e se consolidou no topo da tabela, chegando ao quarto triunfo em cinco jogos. O herói do jogo foi o atacante Betinho, que atuava no time pernambucano na primeira metade da temporada - ele aproveitou falha de Tiago Cardoso para anotar o tento final.
Com o resultado, o Paysandu permanece na vice-liderança da Série B, com 43 pontos. Na próxima rodada, visita o Paraná, sexta-feira. Já o Santa Cruz cai para a nona posição, ainda com 35 pontos. Para se recuperar, recebe o Luverdense-MT, novamente no Arruda, no sábado.

Santa Cruz x Paysandu (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Betinho aproveita vacilo de Tiago Cardoso e marca o gol da vitória do Paysandu (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Visitantes na frente no primeiro tempo

Pelo fato de jogar em casa, o Santa Cruz começou o jogo tomando a iniciativa. O Paysandu, por outro lado, sentiu o peso de seus cinco desfalques e - até por isso - decidiu se resguardar no campo de defesa para tentar o contra-ataque. A estratégia dos paraenses foi mais efetiva no primeiro tempo. A Cobra Coral teve mais posse, criou, finalizou mais e quase chegou ao gol em linda jogada do atacante Grafite. Mas quem saiu na frente foi o Papão.

E foi em grande estilo. Aos 32 minutos, após erro do lateral-direito Vitor na saída de bola, Leandro Cearense deu grande passe para Jhonnatan driblar e marcar um belo gol. Eficiência total: foi a primeira oportunidade clara criada pelos visitantes na etapa inicial.

Jogo aberto e gol salvador na etapa final

Na volta para a segunda etapa, o Paysandu manteve a postura conservadora. O Santa Cruz acentuou a atitude agressiva ao trocar o volante Moradei pelo meia Renatinho. A ousadia quase deu certo. Depois de pressionar o adversário, a Cobra Coral chegou ao empate com Grafite, de pênalti, aos 15: 1 x 1. E ainda chegou a colocar uma bola no travessão com o atacante Anderson Aquino, que saiu do banco de reservas.

O que a equipe tricolor não contava era com o poder de reação do Papão. Aos 37, Betinho aproveitou bola mal rebatida por Tiago Cardoso e definiu a vitória dos paraenses. Na comemoração, o atacante deu uma provocada de leve na torcida coral.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.