Brasileirão Série B

Em encontro de times do interior paulista, Oeste e Bragantino empatam em Osasco

9/19/2015 09:50:00 PMReginaldo Júnior




Oeste e Bragantino fizeram, neste sábado, em Osasco, o clássico do interior paulista pela Série B do Campeonato Brasileiro. A partida, movimentada desde o início, terminou empatada em 1 a 1.

O time de Bragança Paulista abriu a contagem tão logo começou o segundo tempo, com Alan Mineiro completando um contra-ataque veloz. O Oeste correu atrás do prejuízo e conseguiu o empate com Mazinho, ex-Palmeiras.

Oeste empatou com o Bragantino atuando na cidade de Osasco
Foto: ESPN

O empate não era o resultado que as equipes buscavam. Com o ponto somado, o Oeste chegou aos 33 pontos e segue na parte debaixo da tabela. Já o Bragantino perdeu a oportunidade de encostar-se ao pelotão de frente e permanece no meio da classificação.

No próximo sábado, o Oeste vai à Fortaleza enfrentar o Ceará, na Arena Castelão, enquanto o Bragantino recebe o Boa Esporte, no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O jogo 

O Bragantino começou com a posse da bola e com menos de um minuto de partida teve a primeira chegada. Jocinei bateu forte cruzado, assustando o goleiro Leandro Santos, que só acompanhou a trajetória da bola. Os visitantes estavam dispostos a abrir rapidamente o placar e tiveram outra chance aos dez minutos. Alan Mineiro lançou para Rodrigo Maranhão, que recebeu na frente do goleiro. Leandro Santos saiu do gol e dividiu com o atacante, salvando o Oeste.

Depois da pressão inicial do adversário, o time rubro-negro equilibrou as ações e passou a tomar conta do jogo. Wagninho perdeu uma grande oportunidade aos 13 minutos cabeceando para fora o cruzamento de Mazinho.

Logo depois, o mesmo Wagninho recebeu passe em profundidade, se complicou no domínio e viu o goleiro Rafael Broetto dividir com ele e levar a melhor. Aos 22, Rafael Broetto saiu mal do gol para cortar cobrança de falta de Mazinho para a área e quase prejudicou o Bragantino.

O Bragantino só voltou a assustar o rival perto do final da primeira etapa. Na marca de 38 minutos, Leandro Silva cruzou da direita e Rodrigo Maranhão pegou de primeira. A bola passou à direita do gol de Leandro Santos, perto da trave.

O segundo tempo começou movimentado e o Oeste quase abriu o placar no primeiro minuto, em cobrança de falta de Fernandinho. O lateral esquerdo buscou o ângulo de Rafael Broetto, que voou para fazer grande defesa e mandar a bola para escanteio. Após o tiro de canto, o Bragantino recuperou a posse da bola e armou um contra-ataque mortal. Rodolfo passou para Alan Mineiro bater cruzado sem chances para Leandro Silva e inaugurar o marcador em Osasco.

Em desvantagem no placar, o Oeste partiu para cima do Bragantino, mas esbarrava nas defesas de Rafael Broetto, que estava em uma tarde inspirada. Kahê, Guilherme Amorim e Renan Mota, que entrou no lugar de Fernandinho, tiveram chances, porém não conseguiram colocar a bola no fundo das redes. O Bragantino tentava aproveitar os espaços deixados pelo adversário, que tinha cinco atacantes em campo. Alan Mineiro perdeu um gol incrível, na frente de Leandro Santos, e desperdiçou a oportunidade de ampliar a vantagem.

O clube rubro-negro de Itápolis, que tem mandado seus jogos em Osasco, continuava pressionando. Mazinho levou perigo aos 29, em chute de perna esquerda. A insistência teve resultado três minutos depois, com o mesmo Mazinho. Renan Mota levantou para a área e encontrou o atacante livre, que cabeceou cruzado e deixou tudo igual no José Liberatti.

Com o empate, a equipe Oeste ganhou confiança e quase virou a partida aos 36, com Rodriguinho. O atacante, que substituiu Kahê, chutou cruzado e obrigou o goleiro Rafael Broetto a fazer mais uma defesa difícil. Logo depois, Mazinho também quase marcou. O jogador driblou dois defensores e chutou com efeito. A bola passou perto.

Nos acréscimos do jogo ocorreram mais duas chances de gol, uma para cada lado. Léo e Wagninho cabecearam por cima da meta e o empate persistiu no placar. Ainda teve tempo para Renan levar o segundo cartão amarelo, após toque de mão na bola, e ser expulso.

FICHA TÉCNICA
OESTE 1 X 1 BRAGANTINO

Local: Estádio Prefeito José Liberatti, em Osasco (SP)
Data: 18 de setembro de 2015, sábado
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: José Cláudio Rocha Filho (SP)
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP) e Leandro Matos Feitosa (SP)
Cartões amarelos: Wagninho (Oeste); Renan (Bragantino)
Cartão vermelho: Renan (Bragantino)

GOLS
OESTE: Mazinho, aos 32 minutos do segundo tempo
BRAGANTINO: Alan Mineiro, aos dois minutos do segundo tempo

OESTE: Leandro Santos; Paulo Henrique, Júnior Lopes, Ligger e Fernandinho (Renan Mota); Elivelton, Guilherme Amorim, Patrik Silva (Rafael Martins) e Mazinho; Kahê (Rodriguinho) e Wagninho
Técnico: Roberto Cavalo

BRAGANTINO: Rafael Broetto; Leandro Silva, Bonfim (Léo), Gilberto e Moisés; Renan, Jocinei, Chico (Diego Cardoso) e Alan Mineiro; Rodrigo Maranhão e Rodolfo (Conrado)
Técnico: Wagner Lopes

Fonte: ESPN


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.