Brasileirão Série B

Náutico e Atlético-GO fazem jogo fraco e só empatam na Arena Pernambuco

9/15/2015 10:41:00 PMReginaldo Júnior

Equipes abusaram dos erros e seguem sem vencer na Série B do Brasileiro. Com 37 pontos, Timbu fica a oito do G-4. Dragão segue ameaçado pela zona de rebaixamento




Náutico e Atlético-GO entraram na Arena Pernambuco com um objetivo: voltar a vencer e aliviar a pressão. Não conseguiram. O empate de 1 a 1 não serviu para ninguém. O Timbu, na nona posição com 37 pontos, continua vendo o G-4 de longe (a distância aumentou para oito pontos). Enquanto o Dragão, primeiro fora da zona de rebaixamento, com 30, está a cinco da degola. Juninho marcou para os goianos e Bruno Alves, para os alvirrubros.

O Atlético-GO volta a entrar em campo às 20h30 da próxima sexta-feira, quando enfrenta o América-MG, no Serra Dourada. Enquanto isso, o Náutico joga às 16h30 do sábado, no Estádio Mangueirão, contra o Paysandu.

Náutico e Atlético-GO (Foto: Aldo Carneiro (Pernambuco/Press)) Náutico e Atlético-GO ficam no empate na Arena Pernambuco (Foto: Aldo Carneiro (Pernambuco/Press))
Em uma Arena Pernambuco às moscas, onde era possível ouvir algumas vezes o que os jogadores falavam no gramado, Náutico e Atlético-GO fizeram um primeiro tempo condizente com o público.  Desorganizados os dois times praticamente não atacaram e o pouco que construíram foi aos trancos e barrancos. Um pouco melhor, o Timbu chegou a perder chances com Douglas e Daniel Morais. Enquanto do Dragão limitou-se ao chute de Juninho, que quase surpreendeu Julio Cesar. 
Se não dava para ser organizado, a vontade tinha de prevalecer. E no segundo tempo foi assim. Longe do primor técnico, coube ao Náutico buscar a ofensividade. O Atlético-GO, por outro lado, apostou no contra-ataque e foi assim que saiu o gol. Éder cruzou e Juninho - em posição duvidosa - tocou para tirar o zero do placar. A essa hora, as vaias dos pouco mais de dois mil presentes ecoaram na Arena Pernambuco. A cada substituição, o técnico Gilmar Dal Pozzo, que fazia seu primeiro jogo no estádio, era vaiado. Até que Bruno Alves empatou e a pressão cessou. Pelos goianos, Geraldo ainda carimbou a trave. Mas o placar não mudou.

Fonte: Globo Espore


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.