Brasileirão Série A

Com recorde na Arena, Corinthians faz lição de casa e bate o Joinville

9/13/2015 01:04:00 PMReginaldo Júnior

Com gols de Malcom, Uendel e Vagner Love, Timão vence o JEC e se mantém confortável na liderança do Brasileirão. Equipe catarinense segue no Z-4




Vencer em casa um time que está na zona do rebaixamento desde o início do Brasileirão é obrigação para quem quer ser campeão. O Corinthians sabia disso e não vacilou. Com um 3 a 0 incontestável, o Timão bateu o Joinville e se manteve tranquilo na liderança da competição - abriu seis pontos para o Atlético-MG, que faz daqui a pouco o clássico mineiro contra o Cruzeiro. Já o JEC segue como vice-lanterna, à frente apenas do Vasco.
Malcom, Uendel e Vagner Love fizeram os gols do jogo. O primeiro saiu do banco com menos de cinco minutos, substituindo o machucado Rildo. Love, por sua vez, perdeu dois gols claros na etapa inicial e só conseguiu desencantar já no fim, quando o Joinville estava entregue.

O jogo, o primeiro do Corinthians pela manhã no Brasileirão, registrou recorde de público da equipe em Itaquera: 41.809 pagantes (42.075 pessoas no total), com renda de R$ 2.679.187,00.

Corinthians Malcom Joinville (Foto: Marcos Ribolli)Malcom saiu do banco e abriu o placar diante do Joinville (Foto: Marcos Ribolli)

Na próxima rodada, o Joinville recebe o Sport, quarta-feira, às 19h30, em Santa Catarina. Já o Corinthians pega o Internacional, em Porto Alegre, às 22h, também na quarta.

O jogo

A aposta de Tite em Rildo como titular durou apenas dois minutos. Com uma lesão no braço direito, o atacante precisou ser substituído por Malcom, o antigo dono da posição. E foi o garoto de 18 anos quem abriu o placar, aos 38 minutos do primeiro tempo, completando boa jogada de Uendel. Malcom fez o que Vagner Love não conseguiu: colocar a bola na rede. O centroavante teve duas chances claras e perdeu ambas.

O Joinville tinha dificuldades na armação. O técnico PC Gusmão ensaiou dois tipos diferentes de marcação para tentar surpreender o Corinthians: ora marcando em cima, tentando atrapalhar a saída de bola alvinegra, ora recuando até o campo de defesa. Faltava qualidade para contra-atacar.
No segundo tempo, em desvantagem, o Joinville tentou se lançar mais ao ataque e teve ótima chance para empatar aos 7, com Edigar Junio - Felipe salvou em cima da linha. Cinco minutos depois, o Corinthians matou o jogo. Em contra-ataque puxado pela esquerda, Malcom rolou para o meio, Jadson chutou e a bola sobrou para Uendel marcar.

Deu tempo para Vagner Love desencantar. Já no finzinho, com o Joinville completamente morto, Renato Augusto lançou o centroavante, que bateu na saída de Agenor.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.