Brasileirão Série A

Avaí faz trinca de vitórias no Brasileiro e impede São Paulo de voltar ao G-4

9/20/2015 06:08:00 PMReginaldo Júnior

Com os 2 a 1, Leão vence o terceiro jogo seguido pela primeira vez e sai da zona de rebaixamento; Breno volta a fazer gol pelo Tricolor, que continua na quinta posição




Fato até então inédito neste Campeonato Brasileiro, o Avaí venceu seu terceiro jogo seguido e impediu a volta ao G-4 do São Paulo, que continua na quinta posição. Na Ressacada, em Florianópolis, o embalado time catarinense fez 2 a 1 no desfalcado time paulista e conseguiu sair da zona de rebaixamento.
Avaí x São Paulo Marquinhos (Foto: Eduardo Valente/Frame/Estadão Conteúdo)Titulares e reservas do Avaí festejam 1º gol do jogo, de Marquinhos (10) (Foto: Eduardo Valente/Frame/Estadão Conteúdo)

Pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Avaí visita o Grêmio no sábado, às 21h. No domingo, às 16h, o São Paulo recebe o Palmeiras para o clássico paulista.

Antes disso, na quarta-feira, às 22h, o São Paulo faz o jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil contra o Vasco, também no Morumbi.

O jogo

Com dez desfalques, incluindo Rogério Ceni e Luis Fabiano, o São Paulo começou com sete jogadores provenientes de sua base entre os titulares – Pato estava no banco. Tentando sua terceira vitória seguida na competição, o Avaí se aproveitou disso no início do primeiro tempo.

Com apenas um minuto de jogo, Romário invadiu a área e foi desarmado por Lyanco, mas Jailson Macedo Freitas marcou pênalti. Alertado pelo bandeira de que a falta não havia ocorrido, o árbitro voltou atrás. Aos 17, após falta cometida por Breno em Marquinhos, o meia do time catarinense abriu o placar: 1 a 0.

Avaí x São Paulo Breno (Foto: Rubens Chiri/Perspectiva/Estadão Conteúdo)Breno comemora o gol do São Paulo na Ressacada (Foto: Rubens Chiri/Perspectiva/Estadão Conteúdo)
Paradoxalmente, o time paulista melhorou após sofrer o gol. Foram duas ou três chegadas à área adversária até o empate. Breno, que tinha marcado seu último gol pelo Tricolor em setembro de 2007, recebeu cruzamento de Rogério para balançar as redes, com um chute por baixo das pernas de Vagner, aos 43: 1 a 1.

O segundo tempo foi mais movimentado: Gilson Kleina colocou Tinga e Anderson Lopes; Juan Carlos Osorio investiu em Thiago Mendes e Pato. E chances de gol começaram a se seguir, para os dois lados, uma após outra.

Mas só uma atingiu o objetivo... Anderson Lopes recebeu a bola na grande área, de costas para o gol, e virou para vencer Renan Ribeiro aos 26 minutos: Leão 2 a 1.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.