Brasileirão Série B

Vitória vence Luverdense na Arena Pantanal e mantém ponta da Série B

8/11/2015 10:37:00 PMReginaldo Júnior

Vander e Diego Renan marcam para o Rubro-Negro, que chega aos 34 pontos e supera o América-MG, segundo colocado, no saldo de gols. Luverdense é o 16º




Parecia que o jogo terminaria empatado. Parecia que o Vitória deixaria a liderança da Série B. Parecia que a torcida baiana teria motivos para reclamar. Mas as aparências enganam. Mesmo sem uma boa apresentação, o Rubro-Negro contou com os gols de Vander e Diego Renan para vencer o Luverdense por 2 a 0 na noite desta terça-feira, na Arena Pantanal, pela 18ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.
O triunfo fora de casa manteve o Vitória na liderança da Série B. O Rubro-Negro tem 34 pontos e supera o América-MG, segundo colocado com a mesma pontuação, no saldo de gols. O Luverdense segue no limite da briga contra o rebaixamento, com 20 pontos, na 16ª posição.

Na próxima rodada, o Vitória encara o Santa Cruz, em partida marcada para sexta-feira, às 19h (horário de Brasília), pelo encerramento do primeiro turno. No sábado, às 21h, o Luverdense enfrenta o Mogi Mirim, no estádio Romildo Ferreira, em São Paulo. 

Vitória; Luverdense; Pedro Ken (Foto: Assessoria/Luverdense)O Vitória venceu o Luverdense por 1 a 0 na Arena Pantanal (Foto: Assessoria/Luverdense)

O jogo
O Luverdense está acostumado a jogar em Lucas de Rio Verde. Mas nos primeiros minutos se mostrou bem à vontade na Arena Pantanal e ameaçou a defesa do Vitória com jogadas rápidas e lances de contra-ataque. Em um deles, Muralha recebeu passe de letra de Alípio, arriscou de longe e quase marcou um golaço. O Rubro-Negro baiano foi além e conseguiu balançar as redes, mas o lance foi anulado. Elton recebeu a bola na grande área e tocou na saída de Edson Kölln. O jogo, contudo, já estava paralisado por posição de impedimento do atacante.

Insatisfeito com o desempenho ofensivo do time, o técnico Júnior Rocha aproveitou lesão de Muralha para ir ao ataque. Substituiu o volante pelo atacante Lucas Fernandes. A mudança deu certo, e o Luverdense criou boas chances. Luiz Eduardo obrigou Roberto Fernández a fazer grande defesa ao completar de cabeça um cruzamento da direita. Minutos depois, ele desperdiçou oportunidade incrível, sem goleiro, chutando para fora. Quando o empate já parecia certo, Vander apareceu com liberdade na grande área e cabeceou por cima de Edson Kölln para balançar as redes. Diego Renan ainda conseguiu ampliar nos minutos finais, ao invadir a área e tocar na saída do goleiro para assegurar que a ponta da tabela seguiria em vermelho e preto.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.