Brasileirão Série A

"Glória, aleluia": Gabriel Jesus lidera vitória do Palmeiras e ganha música

8/30/2015 06:14:00 PMReginaldo Júnior

Depois de abrir 2 a 0, Verdão leva o empate em menos de dois minutos e conta com a estrela do garoto para vencer o vice-lanterna Joinville e voltar ao G-4 do Brasileirão




Gabriel Jesus tem sobrenome de peso, o número 33 na camisa e agora um canto exclusivo da torcida do Palmeiras. Carismático e eficiente, o atacante fez valer tudo isso ao comandar a vitória por 3 a 2 sobre o Joinville neste domingo, na arena, pela 21ª rodada do Brasileirão. O garoto fez o primeiro gol do Verdão, Dudu, o segundo, mas Marcelinho Paraíba, do time catarinense, fez dois e empatou. Jesus, então, precisou reaparecer para assegurar o triunfo alviverde e trocar a "rádio" da torcida de sintonia. Saíram as vaias e entrou: "Glória, glória, aleluia, é Gabriel Jesus".
Agora com 34 pontos, o Palmeiras está em quarto lugar na tabela de classificação. Já o Joinville segue em situação delicada, na vice-lanterna, com apenas 19 pontos em 21 rodadas.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Joinville tem mais um desafio contra paulista. Só que dessa vez como mandante. O time recebe o São Paulo, quarta-feira, às 19h30.  No mesmo dia, só que às 22h, o Palmeiras faz uma visita ao Goiás, no estádio Serra Dourada.

O jogo

Casa cheia, jogo em casa e gol no primeiro minuto. Gabriel Jesus, depois de lançamento feito por Victor Ramos, tocou na saída do goleiro Agenor e abriu o placar para o Verdão aos 50 segundos. A vantagem logo de cara animou o Palmeiras. E o segundo gol de Gabriel Jesus só não saiu, aos 7 minutos, por detalhe. Após lindo passe de letra de Dudu, ele demorou a bater e foi travado.

O controle da partida era do Palmeiras. O Joinville não tinha espaço para fazer nada. E o cenário ficou ainda pior para os catarinenses aos 23 minutos. Zé Roberto, após escanteio, acertou forte chute de fora da área. Agenor defendeu, mas, no rebote, Dudu completou para o gol:  2 a 0. Na arquibancada, empolgação e muitos aplausos.

Gabriel Jesus marcou duas vezes na vitória do Palmeiras
Foto: ESPN

Só que o futebol é dinâmico. E qualquer vacilo pode ser fatal. Quando são dois, então... Aos 26, Victor Ramos bobeou no meio de campo e viu William Popp servir Marcelinho Paraíba. Gol do Joinville. Um minuto depois, João Pedro tentou afastar a bola da área e chutou em cima de Zé Roberto. Marcelinho Paraíba, atento, ficou com a bola e empatou o jogo.

No apito final do primeiro tempo, a torcida do Palmeiras trocou os aplausos pelas vaias. E na saída de campo, os jogadores do Verdão lamentaram o apagão. Os do Joinville, comemoraram.

No segundo tempo, o panorama do jogo voltou a ser o Palmeiras no ataque e o Joinville atrás. O terceiro gol do Verdão, aliás, parecia questão de tempo. O time de Marcelo Oliveira teve uma boa oportunidade aos 14 minutos. Dudu bateu falta para área, Alecsandro desviou de cabeça e viu o goleiro Agenor espalmar. No rebote, Gabriel Jesus mandou por cima.

Gabriel, no entanto, voltaria a ser protagonista na partida. Aos 22 minutos, depois de boa troca de passes do Palmeiras, Dudu cruzou na medida para o garoto Jesus completar: 3 a 2. Minutos depois, porém, ele, com dores musculares, teve de ser substituído por Thiago Santos. Grata, a torcida do Verdão gritava: "Glória, glória, aleluia, é Gabriel Jesus".

E com essa vitória, o Palmeiras voltou ao G-4 do Brasileirão. O Joinville, por sua vez, continua em situação delicada na zona de rebaixamento.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.