Brasileirão Série B

ABC sai na frente, Oeste empata e clubes seguem martírio na competição

8/22/2015 06:50:00 PMReginaldo Júnior

Alvinegro marca com Edno, no primeiro tempo. Rubrão reage na segunda etapa com pênalti aos 18 segundos e empata o jogo. Dupla mantém sequência sem vitórias




O returno da Série B do Brasileirão não começou bem para Oeste e ABC. O empate em 1 a 1, gols de Edno para o Alvinegro e Wagninho para o Rubrão, no Estádio Prefeito José Liberatti, em Osasco, manteve as equipes nas mesmas colocações na tabela de classificação. Pior que isso, os dois clubes seguem com a sequência negativa na competição e não conseguem vencer. O Rubro-Negro atinge quatro jogos sem vitória e vê o Z-4 se aproximar. O Mais Querido, mesmo com a estreia de Hélio dos Anjos, não vence há nove partidas - sete derrotas e dois empates. Com o resultado, o time paulista segue na 12ª posição, com 25 pontos. Os potiguares continuam na zona de rebaixamento, na 18ª colocação, com 18 pontos.

http://p2.trrsf.com/image/fget/cf/460/0/images.terra.com/2015/08/22/apresentacao-oeste-abc-serie-blanima2015082003061.jpg
Foto: Lance

O jogo ainda teve lances confusos, como no gol abecedista, em que a bola cruzou a linha da meta, e só confirmada pelo assistente de arbitragem. O outro caso foi a expulsão do meia Ronaldo Mendes, do ABC. Após um contra-ataque, o jogador reclamou ter sofrido uma falta e acabou expulsou de forma direta. O árbitro Leandro Newley Ferreira Belota justificou que foi xingado pelo atleta.
Na próxima rodada, o Oeste vai a Bahia para encarar o Vitória. O jogo vai acontecer no Estádio Barradão, às 19h. O ABC joga em casa, no Frasqueirão, e recebe o Criciúma. A partida está marcada para as 21h30. Os dois jogos estão marcados para a terça-feira.


O jogo
 

Nem bem o jogo começou, o ABC abriu o placar. Aos seis minutos, após lateral cobrado por Marcílio, Rafael Oliveira se livrou da marcação e tocou para Edno. O atacante subiu mais alto que o adversário e cabeceou para a meta. A zaga ainda tentou o corte, mas o árbitro assistente Carlos Henrique Alves de Lima Filho sinalizou o gol alvinegro. À frente do placar, o Mais Querido conseguiu neutralizar os contra-ataques do Rubrão, principalmente no meio-campo. Como alternativa, o técnico Roberto Cavalo colocou o atacante Rodriguinho no lugar do volante Leandro Mello, e o Rubro-Negro passou a pressionar o Alvinegro, mas só conseguiu o primeiro chute aos 42 minutos, com Rafael Martins, sem perigo para o goleiro Gilvan.

Na etapa final, o Oeste voltou mais ligado e aproveitou o cochilo da defesa do ABC. Em velocidade, Renan Mota invadiu a área e foi derrubado por Fábio Bahia, com apenas 18 segundos de jogo. Waguinho foi para a cobrança, Gilvan caiu para um lado, o atacante bateu para o outro, e deixou tudo igual.

O empate deixou o jogo mais aberto e as duas equipes se revezaram no ataque. O ABC chegou com perigo em um contra-ataque puxado por Ronaldo Mendes, que chutou forte, mas Jeferson deu rebote. Bismark ganhou a bola, a zaga ainda tentou afastar e na sobra, Fábio Bahia carimbou o adversário. Na sequência, Ronaldo Mendes foi derrubado e pediu falta ao árbitro Leandro Newley Ferreira Belota, mas acabou expulso de forma direta, por xingamento. O árbitro aplicou ainda o cartão amarelo para o volante Rafael Miranda, por reclamação.

Foi a vez do Rubrão responder e, por pouco, não virou o placar. Primeiro com Rodriguinho, que tentou encobrir Gilvan, mas a bola passou por cima da trave. Na segunda, e mais perigosa chance, Rafael Martins fez uma bela jogada e mandou um chutaço no travessão.
Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.