Brasileirão Série B

Criciúma marca nos acréscimos e empata com o ABC no Frasqueirão

8/25/2015 11:43:00 PMReginaldo Júnior




Na noite desta terça-feira, o Criciúma conseguiu mais um resultado dramático. Jogando no Frasqueirão, em Natal, o Tigre marcou nos acréscimos e arrancou empate por 2 a 2 do ABC, em duelo válido pela 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Os donos da casa, que haviam aberto dois gols de vantagem com belos tentos de Rafinha em chutes de fora da área, viram a torcida protestar muito após o empate cedido ao time catarinense, que balançou as redes com Tiago Adan e Natan.

http://sobreisso.com/wp-content/uploads/2015/08/ABC-x-Criciuma-2-.jpg
Foto: Sobre Isso

Com o resultado, o Tigre vai a 29 pontos e ocupa provisoriamente a nona colocação, que pode ser perdida para o Bragantino, que enfrenta o Paysandu no próximo sábado. A formação potiguar, por sua vez, soma 19 unidades e segue na 18ª posição, em situação complicada na zona de rebaixamento, uma vez que fica quatro atrás do Boa Esporte, primeiro time na degola, e ainda pode ver essa distância aumentar.

Na próxima rodada, o ABC tenta se recuperar do vacilo em casa no Passo das Emas, onde enfrenta, como visitante, o Luverdense, na próxima terça-feira. Já o Petkovic entra em campo no mesmo dia, e encara o Náutico no Heriberto Hülse.

O jogo – Precisando da vitória para amenizar sua situação complicada dentro da zona de rebaixamento, o ABC começou buscando o campo de ataque no Frasqueirão. Após alguns lançamentos e passes nas proximidades da área adversária, os donos da casa encaixaram uma boa jogada aos dez minutos, quando Wellington Bruno puxou contra-ataque, invadiu a área e bateu para a defesa do goleiro Luiz.

O lance, no entanto, foi um dos únicos de emoção nos primeiros minutos da partida. Em seguida se viu ambos os times trocando passes pacientemente. Enquanto os donos da casa recuaram um pouco em seu campo de defesa, o Criciúma trabalhava bem a bola, mas não era incisivo.

Mas, na seguinte oportunidade aguda da partida, foi o ABC que abriu o placar. Aos 30 minutos, Rafinha recebeu na intermediária, avançou em espaço dado pela zaga do Tigre e soltou uma bomba de fora da área para vencer Luiz e colocar os mandantes em vantagem. A equipe catarinense tentou reagir ao golpe e buscou o ataque, mas esbarrou na forte marcação potiguar.

A segunda etapa começou equilibrada no Frasqueirão. Enquanto os donos da casa tomavam a iniciativa do jogo e buscavam ameaçar os visitantes através de cruzamentos na área, o Tigre apostava nos contragolpes e chegava a criar chances, mas tinha dificuldades em acertar o último passe.

Mas a superioridade mandante na partida surtiu efeito aos 12 minutos, quando Rafinha desequilibrou novamente ao fazer boa jogada pelo meio, da entrada da área, bater rasteiro de perna direita no canto para aumentar a vantagem do ABC no placar. A bola ainda bateu caprichosamente nas duas traves antes de balançar a rede.

Os visitantes, então, partiram para cima em seguida e criaram boa chance aos 17, quando Marcão bateu falta com precisão e Gilvan fez grande defesa para salvar o time alvinegro. Apesar de ter maior presença no campo de ataque na sequência, o Tigre tinha pouca fluidez nas jogadas ofensivas.

Com o centroavante Neto Baiano sendo pouco acionado, coube a Tiago Adan diminuir o prejuízo dos comandados de Petkovic. Aos 42 minutos, o atacante completou cobrança de escanteio com testada firme para descontar. Em seguida, subiu a placa indicando cinco minutos de acréscimos. E o tempo extra foi bem aproveitado pelo Criciúma que, aos 47, chegou ao empate com Natan. A zaga mandante deu espaço e o meia recebeu na entrada da área, ajeitou e bateu bem no canto para deixar tudo igual.

FICHA TÉCNICA
ABC 2 x 2 CRICIÚMA

Local: Estádio Frasqueirão, em Natal-RN
Data: 25 de agosto de 2015, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Albino Andrade Albert Júnior (PE)
Cartões amarelos: Gilvan, Michel e Bismark (ABC); Maicon Silva e Neto Baiano (Criciúma)

GOLS:
ABC: Rafinha, aos 30 do primeiro tempo e aos 12 minutos do segundo tempo
CRICIÚMA: Tiago Adan, aos 42, e Natan, aos 46 minutos do segundo tempo

ABC: Gilvan; Ednei, Sueliton, Luizão (Mael) e Marcílio; Fábio Bahia, Neto, Wellington Bruno (Michel) e Bismark; Rafinha (Erivélton) e Rafael Oliveira
Técnico: Hélio dos Anjos

CRICIÚMA: Luiz; Maicon Silva (Jonas), Wanderson, Fábio Ferreira e Cristiano; Wellington (Paulo Sérgio), Marcão e Natan; Maurinho (Tiago Adan), Neto Baiano e Jefferson
Técnico: Petkovic

Fonte: Gazeta Esportiva


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.