Brasileirão Série A

Gabriel faz dois gols e sai machucado, mas tira o Santos da zona da degola

7/26/2015 01:10:00 PMReginaldo Júnior

Atacante marca mais duas vezes na Vila Belmiro, depois de dois tentos contra o Sport na última quarta, e faz o Peixe respirar no Brasileirão. Joinville continua em último





Santos x Joinville Gabriel (Foto: Fred Casagrande/Frame/Estadão Conteúdo)Gabriel comemora o primeiro de seus dois gols marcados na Vila (Foto: Fred Casagrande/Frame/Estadão Conteúdo)

O Santos começou bem a disputa de seu "campeonato à parte", como definiu o técnico Dorival Júnior na semana passada. Na manhã deste domingo, na Vila Belmiro, o Peixe fez 2 a 0 no Joinville, o primeiro dos quatro adversários diretos que enfrenta na luta contra o rebaixamento no Brasileirão - na sequência, pega Flamengo, Coritiba e Vasco.
Com essa vitória, diante de 12.974 pagantes (renda de R$ 335.725,00), uma parte do objetivo já foi alcançada: o time paulista saiu do Z-4 e, com 16 pontos, não volta para lá até o fim da 15ª rodada. Já o adversário catarinense continua na lanterna, com apenas nove pontos.

Os dois gols foram anotados por Gabriel, que já tinha feito outros dois na última quarta-feira, quando o Santos, também em casa, eliminou o Sport da Copa do Brasil. Depois, o artilheiro sentiu a coxa direita e teve que ser substituído.

No próximo domingo, pela 16ª rodada, o Santos enfrenta o Flamengo no Maracanã, às 16h. Nos mesmos dia e horário, o Joinville faz clássico estadual em sua arena contra o Avaí.

O jogo

O primeiro tempo foi tranquilo para o Santos desde o início. Logo aos 3 minutos, Gabriel abriu o placar ao completar de carrinho um cruzamento de Zeca. Aos 18, o camisa 10 marcou o segundo gol após lançamento de Marquinhos Gabriel. Se não fossem três defesas de Agenor, goleiro do Joinville, a diferença no placar poderia ter sido maior.

Tanto que, com 34 minutos da etapa inicial, Adilson Batista mudou o JEC para tentar tirá-lo da pressão em seu campo: saiu volante Naldo, entrou o meia Marcelo Costa. Sua tática foi ajudada pela contusão de Gabriel, que sentiu a coxa direita nesse mesmo momento, tentou continuar no jogo, mas foi substituído por Marquinhos aos 41.

Sem seu artilheiro da partida e com a vantagem tranquila no placar, o Peixe diminuiu o ritmo no segundo tempo. Mesmo assim, foi pouco ameaçado pela adversário.

Fonte: Globo Esporte




You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.