Brasileirão Série A

Com gol de Malcom, Corinthians bate o Atlético-MG e cola no rival na ponta

7/19/2015 12:20:00 AMReginaldo Júnior

Jovem atacante faz o único gol da partida na arena em Itaquera. Resultado encerra sequência de seis vitórias do Galo e mantém o Timão sem perder há seis rodadas




Tite avisou que seria um "jogaço". E foi. Melhor para o Corinthians, é verdade. Mas o Atlético-MG foi guerreiro até o apito final. Com gol de Malcom, que se emocionou na comemoração, o Timão fez valer o mando de campo e bateu o Galo por 1 a 0, na arena em Itaquera, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, na noite deste sábado. O resultado acaba com uma sequência de seis vitórias do time de Belo Horizonte e deixa a equipe paulista com invencibilidade de seis rodadas. Não à toa ambos disputam a ponta.

O Corinthians só não saltou para a liderança por conta do saldo de gols. A pontuação é igual à do Atlético-MG (29 pontos), mas o Galo tem saldo 15, contra oito do Timão.


Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians vai até o Couto Pereira, domingo, às 16h, para encarar o Coritiba. O Atlético-MG, por sua vez, joga mais uma vez no sábado à noite. O Galo recebe o Figueirense, no estádio Independência.

Corinthians x Atlético-MG (Foto: Marcos Ribolli)Malcom corre para comemora o gol da vitória do Corinthians sobre o Atlético-MG (Foto: Marcos Ribolli)

O jogo

Por uma mudança de rota, segundo o técnico Levir Culpi, o Atlético-MG chegou atrasado ao estádio. Não teve tempo, por sinal, de aquecer no gramado. Se tivesse tido essa chance, talvez alguns jogadores trocariam de chuteira. Vários escorregaram no começo da partida. Os atletas do Corinthians, por outro lado, conseguiram ficar em pé com mais facilidade.

Corinthians x Atlético-MG (Foto: Marcos Ribolli)Elias e Thiago Ribeiro disputam a bola no meio
(Foto: Marcos Ribolli)
Com ou sem escorregão, o Timão tomou a iniciativa no ataque. Chegou com perigo em jogada de Elias aos dez minutos. O chute do volante foi para fora. A resposta do Galo foi imediata. No minuto seguinte, Giovanni Augusto fez linda jogada individual, mas mandou pra fora. Ainda que o Corinthians controlasse o jogo, o Atlético-MG era mais perigoso.

Não à toa o goleiro Walter foi obrigado a fazer duas importantes defesas. As duas contra Lucas Pratto. Ele defendeu bem um chute e uma cabeçada do argentino. Mas o Corinthians não se intimidou. Pelo contrário. Foi ao ataque e abriu o placar. Vagner Love avançou pela esquerda e deu ótimo passe para Malcom bater rasteiro e comemorar muito, aos 41 minutos (o jovem atacante passou uma semana complicada por ter sido acusado de comprar carteira de motorista. Ele está sendo investigado).

No retorno ao segundo tempo, o Atlético-MG não deixou de lado sua postura ofensiva. Melhor ataque do Brasileirão, o Galo foi para frente. Mas faltou pontaria. Lucas Pratto, por exemplo, teve ótima chance após passe de Thiago Ribeiro, aos 10, mas mandou pra fora. Na pressão, o Galo quase chego ao gol de empate em falta de Giovanni Augusto que bateu na trave, aos 24.

O Atlético-MG não desistiu. Mas o Corinthians, melhor defesa do Brasileirão, com apenas oito gols sofridos, se segurou. Nem Lucas Pratto, muito menos Giovanni Augusto (os dois foram os que mais tentaram) conseguiram furar o bloqueio corintiano. No contra-ataque, o Timão ainda tentou surpreender o adversário, mas não conseguiu ampliar o marcador. Parou em Victor, assim como os atleticanos pararam em Walter. Os goleiros fizeram a diferença no final da partida.

Corinthians x Atlético-MG (Foto: Marcos Ribolli)Giovanni Augusto e Bruno Henrique durante partida na Arena Corinthians (Foto: Marcos Ribolli)

Fonte: Globo Esporte




You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.