Brasileirão Série B

Lulinha sai do banco, dá vitória sobre o Náutico, e Bota mantém liderança

7/18/2015 07:22:00 PMReginaldo Júnior

Ao substituir Pimpão, o melhor em campo, atacante leva sorte em lance de rebote do goleiro Julio Cesar e marca no 1 a 0 no Nilton Santos. Timbu sai do G-4 com derrota




Era jogo para virar a página da eliminação na Copa do Brasil. De assumir a liderança da Série B. E só uma ação  inusitada significou a sorte do Botafogo e o azar do Náutico, na tarde deste sábado, no Nilton Santos, no Rio. Lulinha substituiu o machucado Rodrigo Pimpão, até então o melhor alvinegro em campo, e, no primeiro lance, fez o gol do 1 a 0: a bola bateu na perna direita dele e entrou, após rebote do goleiro Julio Cesar, de grande atuação. O suficiente para a manutenção do primeiro lugar por mais uma rodada ao carioca e a saída do pernambucano do G-4.
A vitória fez o Botafogo chegar aos 27 pontos. É líder pela oitava rodada da Série B, a primeira sem René Simões - o interino Jair Ventura comandou o time nesta tarde. Com a derrota, o Náutico caiu ao quinto lugar, com os mesmos 24 pontos, fora da zona de acesso à Série A. Os dois times voltam a campo no sábado às 16h30 (de Brasília). Em Salvador, na Fonte Nova, o Botafogo desafia o Bahia. O Náutico, na Arena Pernambuco, em Recife, recebe o Vitória.

Gol Lulinha Botafogo x Náutico Engenhão (Foto: Vitor Silva/SSPress)Lulinha comemora gol da vitória do Botafogo no Nilson Santos: 1 a 0 no Náutico (Foto: Vitor Silva/SSPress)


A velocidade de Rodrigo Pimpão, em arrancadas pela esquerda, e as finalizações de Gegê e Luis Henrique, em chute cruzados, foram os únicos lances que se destacaram em um sonolento primeiro tempo. Nem parecia que as duas equipes tinham chance de assumir a liderança. O medo de perder tirou a vontade de ganhar. Resultado: um 0 a 0 sem graça. No segundo tempo, o Bota melhorou. Pressionou por momentos, e o Náutico quase não passou ao campo de ataque. A rede não balançou apenas por causa de Julio Cesar. Fez ótimas defesas, em chutes de Gegê e Carleto. Pimpão, então, sentiu dores musculares e deu lugar a Lulinha. No primeiro lance, o gol: aproveitou rebote de Julio Cesar. Ainda deu tempo de um susto. Renato, em lindo chute por cobertura, acertou o travessão.
Não foi desta vez que o Nilton Santos teve grande público. O estádio recebeu 9.049 pessoas (7.731 pagantes) para uma renda de R$ 180.340,00.
Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.