Brasileirão Série B

Bahia vence Oeste em Salvador e entra para quarteto líder da Série B

7/11/2015 10:56:00 PMReginaldo Júnior

Tiago Real marca na vitória tricolor por 1 a 0 e leva time baiano a 24 pontos, mesmo número conquistado por Botafogo, América-MG e Naútico. Rubrão fica perto do Z-4




Após 12 rodadas, a Série B tem quatro líderes. O Bahia é um deles. O Tricolor garantiu um lugar na ponta ao vencer o Oeste por 1 a 0, na noite deste sábado, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Apesar de dominar o jogo, criar boas chances, os mandantes pararam nas mãos do jovem goleiro do Oeste e não conseguiram um placar maior, o que os deixariam em uma posição melhor de acordo com os critérios de desempate. Tiago Real, em um belo gol no primeiro tempo, foi o autor do único gol da partida, vista no estádio por 15.187 pessoas.

O resultado faz os baianos dividirem a ponta e a zona do acesso à elite com Botafogo, América-MG e Náutico, com 24 pontos. O Tricolor é o terceiro colocado pelo saldo de gols. O time paulista perde a chance de se afastar da zona de rebaixamento. Com 13 pontos, está apenas dois acima do Boa Esporte, primeiro time da degola.
Após dois jogos em casa, o Bahia jogará no sul do país na próxima rodada. No sábado, às 16h30, o Tricolor encara o Criciúma, no estádio Heriberto Hülse, em Santa Catarina. No mesmo dia, mas às 21h, o Oeste volta a campo, contra o América-MG, no estádio José Liberatti, em Osasco.

Titi; Bahia (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)Mais de 15 mil torcedores viram a vitória tricolor na Fonte Nova (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia)

Sem ângulo, sem problema para Tiago Real

O primeiro ataque do Bahia, aos dois minutos de jogo, já pôde ilustrar o que seria toda a partida. O jovem goleiro do Oeste, Jeferson, evitou o gol em chute de Jacó. No rebote, a bola tocou em Halisson, que quase fez contra. Neste ritmo, o Tricolor continuava a pressionar e mais uma vez chegou perto de balançar a rede aos 16, quando Tiago Real cruzou para Jacó. A bola acabou passando por toda pequena área sem encontrar ninguém do ataque baiano.

O placar enfim foi aberto aos 24 minutos de jogo em um belo gol de Tiago Real. O meia invadiu a área pela ponta esquerda e, em um ângulo diagonal, soltou a bomba, justamente no canto em que o goleiro Jeferson fechava: 1 a 0 para o Tricolor. O dono da meta paulista, aliás, foi um dos grandes responsáveis por evitar uma vantagem maior para o adversário, foram várias boas defesas. Ataque de perigo do Oeste somente aos 44 da etapa inicial. Em sobra de bola, Branquinho acabou chutando por cima das balizas.

Permissão para o perigo

O Bahia continuou melhor no segundo tempo. Foi quem mais criou chances. No entanto, é aquela história: com apenas um gol de desvantagem o Oeste foi para o tudo ou nada no fim do jogo e quase complicou a noite tricolor.

Antes da pressão do Oeste nos minutos finais, o goleiro da equipe paulista, Jeferson, foi um pesadelo para os donos da casa, especialmente para Jacó um dos que mais finalizaram na meta da equipe de Itápolis.

Aos 46 do segundo tempo, Junior Negão teve a grande chance de conquistar um ponto para o Oeste. Ao receber passe de Wagninho, girou e acabou chutando para fora, mantendo o marcador em 1 a 0 para o Bahia.

Fonte: Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.