Brasileirão Série A

Anota aí, Osorio! Na estreia do técnico, São Paulo vence o recuado Grêmio

6/07/2015 12:22:00 AMReginaldo Júnior

Com gols de Luis Fabiano e Rogério Ceni, Tricolor paulista supera o gaúcho em casa e fica bem na tabela. Roger Machado tem primeiro derrota no comando gremista




Pegue dois papéis em branco. Separe também uma caneta vermelha e outra azul. Agora, usando a vermelha, anote algo importante: o São Paulo jogou muito bem. No outro papel, de azul, anote uma observação: o Tricolor paulista está no G-4 do Brasileirão. Na estreia do técnico Juan Carlos Osorio, aquele das anotações à beira do gramado, a equipe do Morumbi venceu o Grêmio neste sábado, por 2 a 0 (gols de Luis Fabiano e Ceni, pela sexta rodada, e avançou na tabela. Recuado e pressionado pelo adversário, o time gaúcho sofreu a primeira derrota com Roger Machado.

Bem diferente daquele Grêmio que pressionou e venceu o Corinthians no meio de semana, o Tricolor gaúcho foi dominado pelos donos da casa e deu muito pouco trabalho. Agora com oito pontos em seis jogos, o time aparece na zona intermediária da tabela. Com 13, o São Paulo está, mesmo que provisoriamente, na vice-liderança.
A partida desta noite marcou homenagem a Rogério Ceni pelo gol número 128 da carreira, feito no clássico com o Santos. E agora ele já tem 129, tornando-se, de maneira isolado, o décimo maior artilheiro da história do clube. Pelo lado do Grêmio, Roger Machado chega a três jogos no comando: uma vitória (Corinthians), um empate (Goiás) e uma derrota (São Paulo).

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo volta a jogar fora de casa. Enfrenta a Chapecoense, sábado, às 16h30, na Arena Condá, em Chapecó. No domingo, às 16h, o Grêmio recebe o Atlético-PR em sua arena, em Porto Alegre.

São Paulo x Grêmio (Foto: Marcos Ribolli)Rogério Ceni comemora gol de pênalti marcado na vitória sobre o Grêmio, no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)

O jogo

Ataque contra defesa. O primeiro tempo de São Paulo e Grêmio foi basicamente assim. Melhor em campo e com maior posse de bola, o time do Morumbi dominou as ações do jogo, enquanto a equipe gaúcha se defendeu como pode, jogou mais recuada e arriscou nos contra-ataques. Pelo São Paulo, Michel Bastos foi o maestro: driblou, armou, desarmou, chutou...

O gol são-paulino na primeira etapa, no entanto, não teve sua participação. Aos 26 minutos, após lançamento de Wesley, Rodrigo Caio desviou de cabeça, e Luis Fabiano, oportunista, completou. O Grêmio teve excelente chance de empatar logo em seguida, quando Giuliano deixou Pedro Rocha na cara do gol. Ele bateu na saída de Ceni, mas a bola, caprichosamente, foi pra fora.

São Paulo x Grêmio (Foto: Marcos Ribolli)Giuliano e Rhodolfo reclamam com o árbitro Péricles Bassols (Foto: Marcos Ribolli)
Na etapa final, o jogo não mudou muito. O São Paulo continuou melhor, e o Grêmio apostou mais uma vez no erro do adversário para tentar o contra-ataque. Mas o Tricolor paulista levou a melhor e ampliou o placar aos 10 minutos, com Rogério Ceni, de pênalti. O árbitro Péricles Bassols viu mão de Marcelo Oliveira após cruzamento de Wesley. Os gremistas contestaram a marcação.

Sem força para reagir, o Grêmio tentou ao menos evitar uma derrota maior. E conseguiu segurar o ímpeto são-paulino. Juan Carlos Osorio fez inúmeras anotações durante a partida. Mas deve ter gostado da entrega do time. Roger Machado não foi visto anotando nada, mas deve ter pensado que gostaria de ter visto em campo algo parecido com o Grêmio do meio de semana.

São Paulo x Grêmio (Foto: Marcos Ribolli)Rhodolfo observa Luis Fabiano comemorando o primeiro gol do São Paulo na partida (Foto: Marcos Ribolli)
Fonte: Globo Esporte



You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.