Brasileirão Série A

Figueirense vence nos erros do Palmeiras e deixa a zona da degola

6/07/2015 09:31:00 PMReginaldo Júnior

Verdão falha duas vezes na defesa, e Figueira aproveita, ampliando sua fase invicta no Orlando Scarpelli para 17 jogos. Time paulista fica a dois pontos do Z-4




Invicto no Orlando Scarpelli em 2015, o Figueirense soube se aproveitar dos erros do Palmeiras para vencer por 2 a 1, na noite deste domingo, saindo do Z-4. Carlos Alberto abriu o placar, Gabriel empatou para o Verdão, mas Thiago Santana recolocou o Figueira na frente.

Os gols do Figueirense foram em vacilos do Palmeiras, que se lançou todo ao ataque, tentando recuperar fora de casa os pontos que andou perdendo em seus domínios. No primeiro, Carlos Alberto pegou rebote de Fernando Prass, numa saída em falso do goleiro. No segundo, Clayton pegou a avenida Egídio e serviu Thiago Santana.
Com o resultado, o Figueirense pulou para 14º, com sete pontos, um a mais do que o Palmeiras, que está ao lado do Santos, pouco à frente do Z-4. O Figueira agora soma 13 vitórias e quatro empates como mandante na atual temporada. Já o técnico palmeirense Oswaldo de Oliveira saiu vaiado pelos torcedores alviverdes no Orlando Scarpelli.

Na próxima rodada, os dois times jogam no domingo, às 16h: o Palmeiras recebe o Fluminense em São Paulo, e o Figueirense faz o clássico de Florianópolis contra o Avaí, na Ressacada.

Figueirense x Palmeiras (Foto: THIAGO PEDRO - Agência Estado)Figueirense e Palmeiras duelaram no Orlando Scarpelli (Foto: Thiago Pedro - Agência Estado)

O jogo

Foram dois gols em 11 minutos: o Figueirense abriu o placar com Carlos Alberto aos 7, aproveitando falha de Fernando Prass, e Gabriel empatou aos 11, num chutaço de fora da área. Finalizar mais a gol, aliás, parecia a ordem de Oswaldo de Oliveira para os palmeirenses, já que o time vinha sendo criticado por arriscar pouco. O próprio Gabriel chegou a ter uma segunda boa chance para marcar. O Palmeiras se mostrou mais bem arrumado do que o Figueirense, que perdeu dois jogadores lesionados no primeiro tempo: Carlos Alberto e Fabinho.

Na etapa final, o Verdão se lançou todo ao ataque e acabou dando espaço para os contragolpes. Num desses lances, Ricardinho e Clayton pegaram a avenida Egídio, e a bola chegou limpa para Thiago Santana, aos 16, recolocar o Figueirense na frente.

Oswaldo de Oliveira trocou Dudu por Cristaldo e depois Arouca por Cleiton Xavier. O Palmeiras pressionou, mas sem qualidade. Em nenhum momento o time conseguiu criar uma chance clara para empatar o jogo no final. Vitória merecida do Figueirense.

Fonte Globo Esporte


You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.