Copa América

Bolívia tem primeiro tempo perfeito, vence e complica a situação do Equador

6/15/2015 08:14:00 PMReginaldo Júnior





Marcelo Moreno (a esq), ex-Cruzeiro, marcou o terceiro gol da Bolívia
Marcelo Moreno (a esq), ex-Cruzeiro, marcou o terceiro gol da Bolívia. Foto: Getty
No primeiro jogo da segunda rodada da Copa América, a Bolívia contou com um grande primeiro tempo para vencer o Equador por 3 a 2. A equipe de Marcelo Moreno, que marcou um gol de pênalti, abriu três gols de diferença no primeiro tempo, sofreu uma pressão na segunda etapa, mas segurou a vitória em partida realizada na noite desta segunda-feira.
Com a vitória, os bolivianos assumem a liderança provisória do grupo A, com quatro pontos. O Chile, que tem três pontos, entra em campo ainda nesta segunda diante do México, que soma um ponto. Com duas derrotas, o Equador ainda não pontuo e tem seu futuro complicado na competição.
A Bolívia começou o jogo pressionando e quase abriu o placar no primeiro minuto, mas Dominguez defendeu chute de fora da área. Aos 4, Raldes aproveitou cruzamento de escanteio e, livre, cabeceou para abrir o placar. Para aumentar o grande início de jogo, o time boliviano fez mais um com Smedberg, que acertou belo chute de fora da área.

Após um começo ruim, o Equador se recuperou na partida e teve duas boas chances, ambas defendidas por Quiñonez. Aos 35 minutos, Enner Valencia foi puxado na área e o juiz assinalou pênalti. O mesmo Valencia cobrou e marcou, mas o o juiz mandou voltar por invasão de área. Na segunda finalização. Quiñonez defendeu. O castigo foi ainda maior cinco minutos depois, quando Erazo acertou um chute no rosto de Lizio. Pênalti cobrado por Marcelo Moreno, bola no fundo do gol e três gols de diferença antes do intervalo.

Quiñonez já começou a mostar trabalho no primeiro minuto da segunda etapa, ao pegar chute de Bolaños. Na sequência, porém, Montero fez jogada pela esquerda e só rolou para Valencia, sem goleiro, empurrar para o fundo do gol e marcar o primeiro dos equatorianos.

O duelo, a partir daí, passou a ser disputado no meio-campo de ataque do Equador. Aos 20 minutos, Ibarra invadiu a área sozinho, mas seu chute parou em Quiñonez. O gol que deu ainda mais emoção ao jogo veio aos 36 minutos, quando Bolaños pegou bem de fora da área e acertou o ângulo do gol boliviano. Uma bola no travessão e mais uma grande defesa do goleiro boliviano deram mais dramaticidade ao final do confronto, que acabou mesmo 3 a 2.

Na próxima sexta-feira, ocorre a última rodada do grupo A da Copa América. O Equador pega o México às 18h, enquanto Chile e Bolívia encerram a chave às 20h30. Os dois primeiros colocados, assim como os dois melhores terceiros, vão as quartas de final do torneio.

Fonte: ESPN



You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.