Brasileirão Série B

Com tensão até o final, ABC escapa e empata em 3 a 3 com o Náutico

6/27/2015 07:25:00 PMReginaldo Júnior

Com direito a golaço de Marino, Timbu fica três vezes à frente no placar, mas Alvinegro consegue igualdade aos 41 minutos do segundo tempo, com Edno

Ainda não foi desta vez que o ABC conseguiu vencer em casa na Série B do Campeonato Brasileiro. Atrás no placar por três vezes, o Alvinegro, pelo menos, conquistou o empate diante do Náutico neste sábado. No quinto jogo como mandante, o time potiguar mais uma vez pagou caro por erros de marcação. O Timbu, empurrado por centenas de torcedores que invadiram o Estádio Frasqueirão, em Natal, também falhou quando não podia e teve como destaque o volante Marino, autor de dois gols.

ABC x Náutico, no Estádio Frasqueirão (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)ABC e Náutico fizeram um jogo muito disputado no Frasqueirão (Foto: Augusto Gomes/GloboEsporte.com)

Antes do início da partida, o ABC prestou homenagem a ídolos do passado, como Alberi, Danilo Menezes, Sérgio Alves e capitão Edson. Todos entraram em campo com a camisa especial lançada pelo clube para comemorar o centenário alvinegro.

Com 18 pontos, o Náutico se mantém no G-4, na quarta posição. O ABC caiu para o 11° lugar, com 12 pontos. Na próxima rodada, o Alvinegro volta a jogar no Frasqueirão, onde recebe o Macaé. O Timbu também joga em casa, na Arena Pernambuco, diante do Oeste. Os dois jogos estão marcados para sábado, às 16h30.
Bobeou, dançou

Fabinho Alves teve a chance mais clara de abrir o placar, aos 24 minutos, mas cabeceou para fora após cruzamento de Dedé. Depois, Edno soltou a bomba de fora da área e Julio Cesar fez a defesa com dificuldade. Por outro lado, foi o Náutico quem saiu na frente. Tudo começou com o erro de passe de Leonardo Luiz, na intermediária. Pedro Carmona ainda escorregou, mas Douglas avançou com a bola dominada e foi derrubado por Saulo ao entrar na área. Carmona cobrou o pênalti e abriu vantagem. O ABC se recuperou logo do baque. Fabinho Alves acertou o cruzamento e Kayke só completou para as redes. O torcedor alvinegro se empolgou, mas não contava com nova pane da defesa. Douglas fez boa jogada pela esquerda e Marino chegou como homem surpresa para marcar.

Os donos da casa voltaram do intervalo dispostos a mudar a história da partida e conseguiram logo aos quatro minutos. Edno iniciou a jogada, Fabinho Alves serviu e Marcílio bateu para deixar tudo igual. O terceiro só não veio pouco depois porque Julio Cesar fez um milagre. Após boa trama pela esquerda, Edno recebeu na pequena área e bateu forte para o goleiro alvirrubro salvar à queima-roupa. Após o empate, o jogo caiu de produção e o Náutico, como quem não quer nada, chegou ao terceiro gol aos 27 minutos. E foi um golaço de Marino. O camisa 8 recebeu de Renato e acertou um chutaço no ângulo de Saulo. Quando a torcida do ABC já tentava deixar o estádio, aos 41 minutos, Edno desviou de cabeça a cobrança de falta de Neto Coruja e empatou o confronto. Os minutos finais foram de tensão e, no último lance, os jogadores do Náutico pediram pênalti em jogada que Douglas foi derrubado por Fábio Bahia, mas o árbitro assinalou fora da área. Na cobrança, Renato acertou a barreira e o jogo foi encerrado.
Fonte: Globo Esporte

You Might Also Like

0 comentários

Não é Permitido Palavrões!!!







.